Rio 2016 Protesto na praia de Copacabana reúne 30 mil e desvia trajeto da tocha

Protesto na praia de Copacabana reúne 30 mil e desvia trajeto da tocha

Grupo se reuniu na frente do hotel Copacabana Palace, onde a tocha irá passar nesta sexta

  • Rio 2016 | Agência Brasil

Segundo organização, 30 mil participaram de prostesto

Segundo organização, 30 mil participaram de prostesto

Christian Braga/Jornalistas Livres

Dezenas de manifestantes fazem hoje (5) um protesto contra o presidente da República interino, Michel Temer, na Praia de Copacabana, na zona sul do Rio de Janeiro. A manifestação, que pede a volta da presidenta da República afastada, Dilma Rousseff, ocorre no calçadão da praia e na calçada em frente ao Hotel Copacabana Palace e reúnece cerca de 30 mil, segundo a organização. Devido à manifestação, o trajeto da tocha, que passaria pela orla, teve que ser desviado para outras ruas dentro do bairro.

O protesto é organizado pelas frentes Povo Sem Medo, Brasil Popular e Esquerda Socialista, além da Plenária dos Trabalhadores em Luta do Rio e o CSP-Conlutas.

A Praia de Copacabana já é um tradicional de protestos no Rio de Janeiro e é também um dos locais por onde passa o revezamento da tocha olímpica na manhã de hoje.

Últimas