Entenda os riscos da falta de vitamina D no organismo

Substância é importante para melhorar o sistema imunológico; seu déficit pode causar depressão e favorecer o desenvolvimento de câncer

  • NeoQuímica N Motivos | Cleide Oliveira, Do R7 Conteúdo e Marca

Exposição ao sol 20 minutos por dia é o suficiente para ativar a produção de vitamina D no organismo

Exposição ao sol 20 minutos por dia é o suficiente para ativar a produção de vitamina D no organismo

Creative Commons/pxhere.com

São muitas as funções benéficas da vitamina D no organismo. Mais conhecida por manter os ossos saudáveis, a substância também atua como reguladora do sistema imunológico, do metabolismo, das atividades cardiovasculares, do nível de insulina, do crescimento e da formação dos músculos.

A Vitamina D é um pró-hormônio produzido pelo corpo humano e a forma mais comum de sua ativação é pela exposição correta aos raios solares. Mas essa não é a única maneira de manter o equilíbrio de vitamina D, que é encontrada também em uma lista restrita de alimentos: peixes gordurosos, óleo de fígado de bacalhau, cogumelos secos, leite, ovos e fígado bovino. O problema é que a quantidade disponível da vitamina D nesses alimentos é bem pouca se comparada às necessidades diárias.

Sua falta no organismo reflete em problemas sérios que põem a saúde em risco. Nos adultos, aumenta a fragilidade nos ossos e pode até causar osteoporose. Nas crianças, compromete o crescimento e provoca raquitismo, uma espécie de deformidade óssea. Devido à sua característica lipossolúvel, ela precisa de gorduras para ser absorvida pelo intestino.

Benefícios e suplementação
Sendo, porém, a principal fonte de vitamina D o nosso próprio organismo, a recomendação dos especialistas é de que a pele seja exposta ao sol ao menos por 20 minutos diariamente, sem proteção de filtro solar. Veja a seguir como a vitamina D é benéfica para o corpo humano.

• Promove ossos fortes, pois regula o cálcio e o fósforo do organismo;
• Ajuda coração e músculos, pois nivela o bombeamento de sangue;
• Protege o sistema imunológico como um todo;
• Controla o diabetes, diminuindo riscos futuros de desenvolver a doença;
• Oferece uma gravidez mais segura, com controle de hipertensão arterial e diabetes gestacional;
•  Ajuda na prevenção de cânceres, pois atua no processo de diferenciação celular;
• Está sendo estudada sua eficácia contra doenças autoimunes.

Suplementação é uma das formas de repor a vitamina D em falta no organismo, ou de nivelar os índices da substância no corpo. Dropy D, da Neo Química, é um suplemento alimentar de vitamina D3 que auxilia na prevenção e tratamento auxiliar na desmineralização óssea pré e pós-menopausa, e na prevenção de raquitismo! Mas atenção: sua utilização deve ser acompanhada de recomendação e acompanhamento médico.

Publicidade:

Dropy D 2.000UI é um alimento isento de registro conforme RDC 27/2010

Dropy D 2.000UI é um alimento isento de registro conforme RDC 27/2010

Divulgação/ Neo Química

Neo Química. Sua saúde é nossa vocação

Referências consultadas:
Hospital Sírio Libanês. [Internet]. A importância da vitamina D. 03 de julho de 2017. Acesso em: 11/10/2021.
Portal R7. [Internet]. Risco de Internação longa é 2 vezes maior com baixa taxa de vitamina D. 10 de março de 2021. Acesso em: 11/10/2021.

Pludowski P, et al. Vitamin D effects on musculoskeletal health, immunity, autoimmunity, cardiovascular disease, cancer, fertility, pregnancy, dementia and mortality-a review of recent evidence. Autoimmun Rev. 2013; 12(10): 976-89.

Holick MF. Evolution, biologic function, and recommended dietary allowances for vitamin D. In Vitamin D. Humana Press, Totowa, NJ. 1999: 1-16.

Castro LCG. O sistema endocrinológico vitamina D. Arquivos Brasileiros de Endocrinologia & Metabologia. 2011; 55: 566-575.

Peters BSE, Martini LA. Vitamina D. In Série de publicações ILSI Brasil: funções plenamente reconhecidas de nutrientes. 2 ed. São Paulo: ILSI Brasil-Internacional Life Sciences Institute do Brasil, 2014, vol 2.

Bula do produto Dropy D.

Últimas