Logo R7.com
Logo do PlayPlus
Publicidade

Suspeito de abusar de crianças guardava imagens de pedofilia

Um laudo pericial revelou que ele tinha mais de quatro mil arquivos de pornografia infantil

Cidade Alerta DF|Do R7

Jacson dos Anjos, de 22 anos, conhecido como ‘tarado do barco’, teve prisão temporária convertida em prisão preventiva. Ele é investigado por estupro de vulnerável. Um laudo pericial revelou que ele tinha mais de quatro mil arquivos de pornografia infantil no celular. Ele também vai responder pelos crimes de armazenamento e divulgação de pornografia infantil, com base no estatuto da criança e do adolescente. As penas podem chegar a 20 anos de prisão. Ele vai responder pelos dois estupros de vulnerável. As penas somadas podem chegar a 40 anos de prisão. Jacson era piloto de barcos no Pontão do Lago Sul e foi preso em flagrante pela Polícia Civil depois de um passeio onde abusou sexualmente de uma criança de quatro anos. Ele é morador da Cidade Ocidental e trabalhava como piloto de barcos há quatro anos.

VEJA MAIS

PF marca para 26 de abril depoimento de Bolsonaro em inquérito sobre atos de 8 de janeiro

Haddad se reúne com Shein e afirma que empresa vai nacionalizar 85% das vendas

Governo vai repassar R$ 2 bilhões a entidades filantrópicas de Saúde

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.