Logo R7.com
Logo do PlayPlus
Publicidade

'Comprou Brasília toda, mas faltou dinheiro pra me pagar', diz dono de carro destruído por veículo de luxo

Ao R7, Jair Gasparin afirma que a motorista de BMW não retorna mensagens e ligações; prejuízo é avaliado em R$ 17 mil

Brasília|Karla Beatryz*, do R7, em Brasília

Carro fica destruído após colidir com veículo de luxo, no DF
Carro fica destruído após colidir com veículo de luxo, no DF Carro fica destruído após colidir com veículo de luxo, no DF

O homem que teve o carro destruído por um veículo de luxo em um estacionamento em Brasília afirmou ao R7 nesta quinta-feira (11) que a motorista que causou o acidente não retorna suas mensagens e ligações desde terça (9). O acidente ocorreu na noite do domingo (7). De acordo com a ocorrência, a motorista xingou os policiais e o dono do carro atingido e teria dito que “o pai tinha dinheiro para comprar Brasília inteira”.

Compartilhe esta notícia no WhatsApp

Compartilhe esta notícia no Telegram

Veja o momento do acidente abaixo:

Publicidade

O carro teve perda total. O veículo era um Fiat Uno, 2009, avaliado em R$ 17 mil. Um modelo novo da BMW envolvida no acidente custa cerca de R$ 500 mil. Proprietário de um restaurante, Gasparin afirmou que entrou em contato com a mulher na segunda-feira (8) e que ela foi até o local no dia seguinte e prometeu que arcaria com o prejuízo.

Após a visita, porém, a mulher não estaria mais retornando os contatos. “Achei estranho. Ela falou que o pai comprava Brasília toda. A não ser que ele comprou Brasília inteira e faltou dinheiro para me pagar”, disse Gasparin. Veja como ficou o carro após a batida:

Publicidade

À reportagem, Jair Gasparin disse que acredita que não será pago pelos prejuízos causados. Segundo o empresário, o veículo era usado para fazer as entregas do restaurante, buscar funcionários, realizar propagandas do estabelecimento e para compras.

“O valor de R$ 17 mil seria pelo carro, fora os prejuízos das entregas de marmitas e compras de mercado, que não tenho como fazer. O prejuízo aumenta a cada dia que passa. Por isso, queria receber logo”, conta. Gasparin afirma que acionou um advogado e pensa em entrar na Justiça, caso o valor não seja pago. 

Publicidade

Em seu perfil em uma rede social, a motorista do veículo de luxo, Mariana Souza, escreveu nesta quarta-feira (10): "Sou iluminada. Nd me para". Após enviar um áudio do R7 dizendo que faria o pagamento do veículo, ela disse que não autoriza a divulgação das declarações sobre o acidente. 

Nas redes sociais, motorista de BMW afirma que 'nada me abala' após acidente
Nas redes sociais, motorista de BMW afirma que 'nada me abala' após acidente Nas redes sociais, motorista de BMW afirma que 'nada me abala' após acidente

Relembre o acidente

O acidente entre a BMW e o Fiat Uno ocorreu no domingo (7). O carro de luxo bateu no veículo, que estava estacionado na quadra 301, no Sudoeste. A motorista, de 20 anos, e a passageira, de 19, estavam alcoolizadas, de acordo com a ocorrência policial. As duas foram presas pela Polícia Militar. Segundo o primeiro-sargento da PM Diogo Trindade, além dos xingamentos, a motorista disse que “o pai conseguiria comprar Brasília inteira”.

Os policiais encontraram uma garrafa de bebida no veículo. Ainda segundo a polícia, a motorista apresentava fala desconexa e olhos vermelhos e estava bastante agressiva. As duas foram liberadas após pagamento de fiança. A ocorrência foi registrada na 5ª Delegacia de Polícia Civil, na Asa Norte. A condutora teria tentado fugir do local.

* Estagiária sob supervisão de Fausto Carneiro

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.