Logo R7.com
Logo do PlayPlus
Publicidade

DF abre licitação de reforma da Piscina de Ondas com valor estimado de R$ 18,2 milhões

Empresa selecionada vai elaborar projeto de revitalização do complexo aquático localizado dentro do Parque da Cidade

Brasília|Giovanna Inoue, do R7, em Brasília

(Gabriel Jabur/Agência Brasília - 16.12.2015)

O Distrito Federal abriu licitação para contratação de empresa para elaborar o projeto de reforma e revitalização da Piscina de Ondas, do rio lento, infantil e outras edificações do complexo aquático do estacionamento 7 do Parque da Cidade Dona Sarah Kubitschek. O edital foi publicado no DODF (Diário Oficial do Distrito Federal) desta quarta-feira (27) e pontua que a licitação será do tipo de menor preço, com valor estimado em R$ 18.238.286,23.

O edital prevê que a empresa escolhida será responsável pela execução de obras e serviços de revitalização que incluem reforma e ampliação, restauro e construção; e o fornecimento e instalação de equipamentos e brinquedos aquáticos.

As empresas interessadas em participar precisam enviar a documentação necessária a partir de 4 de junho.

A Piscina de Ondas

A Piscina de Ondas foi o primeiro equipamento do tipo na América Latina e produzia ondas de até meio metro de altura, anunciadas por uma sirene. Inaugurada em 1978, era opção de lazer para o público de Brasília nos anos 1980 e 1990. Com a morte do casal que administrava o complexo, o lugar faliu. Assim, a geração mais jovem só teve a chance de pisar na piscina sem água.

Depois de desativada e antes da pandemia de Covid-19, a Piscina de Ondas serviu de palco para festas e ventos culturais, agora, deve retornar ao seu propósito original. Enquanto esteve em atividade, o espaço chegou a receber cerca de 10 mil pessoas nos finais de semana.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.