Logo R7.com
Logo do PlayPlus
Publicidade

Mulher morre por dengue e família denuncia negligência da UPA

Cintia Maria Dourado Mendes, de 43 anos, foi atendida em Brazlândia, mas parentes afirmam diversas falhas no atendimento

DF Record|

Uma paciente da UPA de Brazlândia foi enterrada depois de morrer com sintomas de dengue. Familiares denunciam negligência no serviço prestado pela unidade de saúde. Cintia Maria Dourado Mendes, de 43 anos, chegou a ser atendida e tomou soro, mas foi liberada. Na segunda vez que procurou o hospital, parentes afirmam que diversas falhas no atendimento dela foram registradas.

O Instituto de Gestão Estratégica de Saúde, que administra a UPA de Brazlândia, lamentou a morte de Cintia e confirmou que ela testou positivo para a dengue. O Iges disse que a paciente chegou com crises de desmaios e que unidade prestou assistência.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.