DF Record PF faz operação contra suspeitos de atos terroristas

PF faz operação contra suspeitos de atos terroristas

Os alvos são suspeitos de financiar o grupo que invadiu a área de embarque do aeroporto internacional de Brasília

A Polícia Federal cumpriu seis mandados de busca e apreensão, quatro em Brasília e outros dois em Marabá, no Pará, e Água Boa, Mato Grosso. Os alvos são suspeitos de financiar o grupo que invadiu a área de embarque do aeroporto internacional de Brasília em duas ocasiões, nos dias 2 e 8 de dezembro do ano passado. Entre eles, está o presidente do sindicato rural de Marabá, Ricardo Guimarães. Ele acabou detido porque os agentes encontraram armas de fogo durante as buscas na casa do sindicalista. Guimarães prestou depoimento e foi liberado. Em vídeo, na companhia de um advogado, ele negou envolvimento no caso.

O mesmo grupo que invadiu o aeroporto estaria envolvido na tentativa de invasão à sede da Polícia Federal, na Asa Norte, no dia 12 de dezembro, dia da diplomação do presidente Lula. Sem sucesso na tentativa de invasão, os envolvidos roubaram botijões de gás de um posto de combustíveis e depredaram carros, viaturas e até um ônibus do transporte coletivo na região Central de Brasília. A PF investiga ainda se o grupo tem relação com a tentativa de um atentado a bomba no aeroporto, na véspera do Natal, dia 24 de dezembro do ano passado. Dois envolvidos já foram condenados e seguem presos: George Washington de Oliveira Sousa e Alan Diego dos Santos Rodrigues. Outro acusado, Wellington Macedo de Souza, continua foragido.

Últimas