Brasília Distrito Federal vai premiar os dez blocos de rua mais limpos do Carnaval

Distrito Federal vai premiar os dez blocos de rua mais limpos do Carnaval

Ano passado folia foi considerada a mais limpo da capital do país em comparação com anos anteriores; veja

  • Brasília | Edis Henrique Peres, do R7, em Brasília

Cinco mil garis atuam em limpeza neste carnaval

Cinco mil garis atuam em limpeza neste carnaval

Divulgação/SLU

O Distrito Federal vai premiar os dez blocos de rua mais limpos do Carnaval deste ano. A ação acontece pelo segundo ano consecutivo para parabenizar as melhores iniciativas voltadas para limpeza urbana. Chamada de Folia Limpa, a iniciativa quer conscientizar a população e os organizadores das festas sobre a importância do descarte correto dos resíduos, especialmente os que podem ser reciclados.

Apenas no sábado (10), por exemplo, o Serviço de Limpeza Urbana (SLU) retirou 7,4 mil kg de lixo das ruas, sendo 4,4 mil kg apenas no Plano Piloto. A limpeza das ruas contou com 1,2 mil garis. Os trabalhadores vão atuar durante toda a folia. Segundo o SLU, ao todo, são mais de 5 mil garis previstos para varrição dos locais e catar os resíduos descartados de forma incorreta.

Para auxiliar na limpeza, o órgão instalou 40 papas-recicláveis em pontos estratégicos da capital do país, além de mais de 21 mil lixeiras em todas as regiões administrativas. Para o diretor-presidente do SLU, Silvio Vieira, a expectativa é de um retorno positivo. “No ano passado a competição foi acirrada, com uma grande adesão ao nosso chamado. Esperamos que, mais uma vez, a adesão seja positiva e que os donos dos blocos incentivem [os foliões] a manter as ruas limpas”, disse.

As equipes do SLU avaliam os blocos após a passagem dos foliões, quando os garis chegam para limpar o local.

Histórico

No ano passado, o SLU recolheu em torno de 26,6 toneladas de lixo durante o Carnaval. Na oportunidade, foram premiados os blocos Rebu, Praça dos Prazeres 2023, Vassourinhas de Brasília, Plataforma da Diversidade, Carnapati, Bloco do Rock, Montadas, Setor Carnavalesco Sul (compartilhado com Bloco dos Catadores), Bloco Mamãe Tagua e Charretinha + Tropicaos.

O Carnaval de 2023 foi considerado o mais limpo da série histórica do DF em relação à quantidade de resíduos recolhidos. Em cinco dias, o SLU retirou cerca de 26,6 toneladas de resíduos nas áreas do Plano Piloto e em Ceilândia, Taguatinga, Águas Claras, Brazlândia e Estrutural.

Em 2019, houve a coleta de 49,7 toneladas e, em 2018, de 82 toneladas. Ano passado, a força-tarefa de limpeza contou com 1.167 garis, além de 20 fiscais por dia e 38 veículos para ações de limpeza e fiscalização. Foram utilizados mais de 8,4 mil sacos de lixo.

Últimas