Brasília Fábrica chinesa de roupas promete iniciar produção no Brasil em julho no Rio Grande do Norte

Fábrica chinesa de roupas promete iniciar produção no Brasil em julho no Rio Grande do Norte

Anúncio foi feito nesta quinta-feira no Palácio do Planalto por representante da empresa e pela governadora do estado

  • Brasília | Plínio Aguiar, do R7, em Brasília

Governadora do RN fez anúncio no Planalto

Governadora do RN fez anúncio no Planalto

Plínio Aguiar/R7 - 29.6.2023

O representante no Brasil da fábrica de roupas Shein, Marcelo Claure, anunciou, nesta quinta-feira (29), que a empresa chinesa vai começar a produção em solo brasileiro a partir de julho, em Macaíba, no Rio Grande do Norte. Não foram informados, porém, o valor do investimento e o número de empregos que serão gerados.

Recentemente, a empresa chinesa fez parceria com a brasileira Companhia de Tecidos Norte de Minas (Coteminas), do atual presidente da Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp), Josué Gomes da Silva. A medida não implica na abertura de uma nova fábrica, mas na utilização de uma instalação já existente.

Compartilhe esta notícia no WhatsApp
Compartilhe esta notícia no Telegram

O estado nordestino é conhecido pela produção têxtil no país. "Em nome do povo do Rio Grande do Norte, quero expressar nossa imensa alegria", disse a governadora Fátima Bezerra (PT), durante entrevista coletiva no Palácio do Planalto, em Brasília.

A produção da empresa chinesa em terras brasileiras faz parte do compromisso firmado pela Shein com o ministro da Fazenda, Fernando Haddad. A asiática havia planejado fomentar cerca de 2 mil fábricas no país, com a eventual criação de 100 mil empregos — e investimento de US$ 150 milhões.

O anúncio ocorre depois de o governo federal anunciar o fim da isenção tributária sobre mercadorias de até US$ 50 e voltar atrás na decisão. A medida recebeu críticas da população na época. Diante da polêmica, o Executivo ponderou e reviu a ação, que pretendia arrecadar cerca de R$ 8 bilhões ao ano com o fim da isenção para as transações entre pessoas físicas.

Últimas