Brasília Haddad comemora aprovação da reforma tributária pela Câmara: 'Parecia impossível'

Haddad comemora aprovação da reforma tributária pela Câmara: 'Parecia impossível'

Ministro da Fazenda diz ainda que 'a reforma tributária não é uma proposta de governo' e que foi aprovada 'depois de décadas'

  • Brasília | Do R7

Haddad comemora aprovação, articulada por Lira

Haddad comemora aprovação, articulada por Lira

Marcelo Camargo/Agência Brasil

O ministro da Fazenda, Fernando Haddad, comemorou a aprovação do texto-base da reforma tributária em primeiro turno pela Câmara dos Deputados nesta quinta-feira (6). Minutos após a proclamação do resultado da votação em plenário, Haddad publicou no Twitter que "parecia impossível", mas que "valeu lutar".

"Depois de décadas, aprovamos uma Reforma Tributária. Democraticamente. Parecia impossível. Valeu lutar!"

"A Reforma Tributária não é uma proposta de governo; o país a pede. É uma necessidade para nossa economia, para nossa produtividade avançar. Essa maneira ultrapassada com que os tributos estão organizados atrapalha muito a indústria, o comércio, os serviços. Precisamos despolarizar essa discussão, despartidarizá-la. É um projeto de país que vai beneficiar a todos. Um vitória para nós e para as próximas gerações", publicou Haddad.

Compartilhe esta notícia no WhatsApp
Compartilhe esta notícia no Telegram

Os deputados aprovaram a proposta com 382 votos a favor, 118 contrários e 3 abstenções. A votação segue na Câmara, com os destaques.

Últimas