Logo R7.com
Logo do PlayPlus
Publicidade

Homem é investigado por aplicar golpe de R$ 21 mil em empresário com máquina de cartão no DF

Suspeito já teria cometido outros dez crimes semelhantes na capital; três mandados de busca e apreensão foram cumpridos

Brasília|Edis Henrique Peres, do R7, em Brasília

Homem já realizado golpes semelhantes no DF
Homem já realizado golpes semelhantes no DF Homem já realizado golpes semelhantes no DF (Reprodução/PCDF)

Um homem de 37 anos é investigado no Distrito Federal por aplicar golpe de R$21.872,60 em um empresário utilizando o conhecido “golpe da maquininha”. Na manhã desta quinta-feira (22) a Polícia Civil cumpriu três mandados de busca e apreensão na casa do suspeito e de outro comparsa, investigados por lavagem de dinheiro. As buscas aconteceram em Ceilândia e em Valparaíso de Goiás, cidade do Entorno do DF.

Segundo a polícia, o suspeito visitou uma loja comercial da Asa Sul e se apresentou como técnico, dizendo que os extintores precisavam ser trocados, em dezembro do ano passado. O pagamento ocorreu com uso de cartão de crédito. Na ocasião, o homem disse que o sinal de internet estava fraco e que a operação precisava ser repetida. Nesse momento, ele alterou a quantia de R$ 250 da cobrança para R$ 21,8 mil.

A investigação aponta que o aparelho estava vinculado ao segundo suspeito, de 44 anos, e dono de uma distribuidora de bebidas e mercearia de Ceilândia.

A Polícia Civil registra pelo menos dez ocorrências da dupla, que utiliza o mesmo modo de agir, se aproveitando dos serviços de troca de extintores para praticar o golpe em empresários.

Publicidade

Em junho do ano passado, o homem de 37 anos já havia assinado um acordo com o Ministério Público do DF, devido aos casos anteriores, que previa o não cometimento de nova infração penal.

Veja orientações da polícia no pagamento com cartão:

Publicidade

- Sempre confira o valor da transação antes de confirmar a compra;

- Não se afaste da máquina enquanto pagamento estiver sendo feito;

Publicidade

- Prefira passar/aproximar seu cartão na maquininha e evite entregá-lo ao vendedor;

- Não realize transações se o visor da maquineta estiver quebrado ou com sinais de adulteração;

- Peça o comprovante da transação e confira o valor;

- Redobre a atenção se o vendedor disser que o terminal de pagamento apresentou mensagem de erro ou que está sem internet e que vai precisar repetir a transação; e

- Prefira realizar pagamentos por aproximação.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.