Logo R7.com
Logo do PlayPlus
Publicidade

Justiça do DF manda soltar PM que atirou em adolescente

O policial militar foi preso após atirar em um jovem de 16 anos durante uma briga de trânsito na última terça-feira (22)

Brasília|Giovana Cardoso, do R7, em Brasília

Momento da confusão entre o PM e familiares da mulher
Momento da confusão entre o PM e familiares da mulher Momento da confusão entre o PM e familiares da mulher

A Justiça do Distrito Federal determinou, nesta sexta-feira (25), a soltura do policial militar de 46 anos que atirou na perna de um adolescente de 16 anos durante uma briga de trânsito na última terça-feira (22), no Jardim Botânico.

De acordo com a decisão, o PM vai poder responder pelo crime em liberdade e deverá obedecer à alternativa de não entrar em contato com nenhum dos envolvidos no caso.

O habeas corpus foi concedido pelo desembargador Silvanio Barbosa dos Santos, da Segunda Turma Criminal do Tribunal de Justiça do Distrito Federal e dos Territórios (TJDFT). Para o magistrado, não foi evidenciado desequilíbrio ou periculosidade por parte do suspeito.

Entenda o caso

A confusão teria se iniciado após uma mulher, que dirigia sem habilitação, bater no veículo do policial de moto.

O autor dos disparos chegou a segurar a mulher pelo pescoço para evitar que ela deixasse o local. O jovem, que é irmão da motociclista, foi atingido após familiares da moça tentarem defendê-la da agressão.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.