Logo R7.com
Logo do PlayPlus
Publicidade

STF começa a julgar nesta sexta 48 recursos de réus envolvidos no 8 de Janeiro

Com a aceitação da denúncia, acusados se tornam réus e passam a responder a ação penal; Corte já condenou ao menos 25 réus

Brasília|Gabriela Coelho, do R7, em Brasília

Corte já condenou ao menos 25 réus
Corte já condenou ao menos 25 réus Corte já condenou ao menos 25 réus

O Supremo Tribunal Federal (STF) começa a julgar nesta sexta-feira (8) 48 recursos apresentados contra o recebimento de denúncia de investigados por participação nos atos extremistas de 8 de janeiro. Com a aceitação da denúncia, os acusados se tornam réus e passam a responder a uma ação penal. A Corte já condenou ao menos 25 réus. 

Os ministros vão analisar "embargos de declaração", que são um tipo de recurso que serve para questionar algum ponto que não ficou claro na decisão do tribunal.

Os recursos estão em dois inquéritos da Corte. Em um deles, são investigados os executores materiais dos crimes, e as denúncias abrangem os crimes de associação criminosa armada, abolição violenta do Estado democrático de Direito, golpe de Estado e dano qualificado, além do crime de deterioração de patrimônio tombado. 

Clique aqui e receba as notícias do R7 no seu WhatsApp

Publicidade

Compartilhe esta notícia pelo WhatsApp

Compartilhe esta notícia pelo Telegram

Publicidade

Assine a newsletter R7 em Ponto

Em outro inquérito, são investigados os autores intelectuais e pessoas que instigaram os atos, os acusados que se tornaram réus por incitação ao crime e associação criminosa. 

O julgamento será na modalidade virtual, entre os dias 8 e 18 de dezembro. No julgamento virtual, não há discussão. Os ministros votam por meio do sistema do STF. Se há um pedido de vista, o julgamento é suspenso. Quando ocorre um pedido de destaque, a decisão é levada ao plenário físico do tribunal.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.