Logo R7.com
Logo do PlayPlus
R7 Brasília
Publicidade

STF dá liberdade provisória a 40 presos pelos atos do 8 de Janeiro

O ministro Alexandre de Moraes concedeu o benefício a 26 homens e 14 mulheres; 253 pessoas continuam presas

Brasília|Ana Isabel Mansur, do R7, em Brasília

Moraes verifica os estragos no STF após os atos
Moraes verifica os estragos no STF após os atos Moraes verifica os estragos no STF após os atos

O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Alexandre de Moraes concedeu nesta sexta-feira (5) liberdade provisória a 26 homens e 14 mulheres que estavam presos pelos atos extremistas de 8 de janeiro, em Brasília.

Compartilhe esta notícia no WhatsApp

Compartilhe esta notícia no Telegram

Os envolvidos liberados já foram denunciados pela Procuradoria-Geral da República (PGR), e as denúncias foram recebidas em decisão majoritária do STF. Com a decisão de Moraes, 253 pessoas (67 mulheres e 186 homens) continuam presas. 

Publicidade

Os extremistas em liberdade provisória deverão usar tornozeleira eletrônica e cumprir prisão domiciliar, com apresentação semanal à Justiça, além de entregar os passaportes, que serão cancelados.

Eles também não podem usar as redes sociais nem se comunicar, por nenhum meio, com outros envolvidos nos atos de 8 de janeiro. O porte de arma de fogo e o certificado de caçador, atirador e colecionador (CAC) estão suspensos.

Leia também

Envolvidos no 8 de Janeiro viram réus

O STF tem analisado se os extremistas envolvidos nos atos de 8 de janeiro serão réus. Até o momento, 300 acusados já tiveram o julgamento concluído e se tornaram réus — cem em 18 de abril e mais 200 em 27 de abril. A Corte analisa se outros 250 envolvidos também virarão reús. 

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.