Folha Vitória Alívio no bolso: gás de cozinha fica R$ 5 mais barato no Estado

Alívio no bolso: gás de cozinha fica R$ 5 mais barato no Estado

A queda nos valores, de acordo com o levantamento, aconteceu logo após reajuste nas políticas de preços da Petrobras

Folha Vitória
Foto: Agência Brasil
Folha Vitória

Folha Vitória

Folha Vitória

Moradores do Espírito Santo ganharam um alívio no bolso neste mês de maio. Segundo levantamento realizado pela TV Vitória, o valor das botijas de gás teve redução média de R$ 5 em todo o Estado. 

A queda nos valores, de acordo com o levantamento, aconteceu logo após reajuste nas políticas de preços da Petrobras, que começou a vigorar no último dia 17 em todo o país. 

Quem depende do gás de cozinha para garantir o sustento da família comemorou a diminuição, é o caso de Maria das Graças Santos Brum, que prepara salgadinhos para vender. 

>> Quer receber nossas notícias 100% gratuitas? Participe da nossa comunidade no WhatsApp ou entre no nosso canal do Telegram!

Ela prepara o produto em casa, no bairro Presidente Médici, em Cariacica, e tem a ajuda do marido e dos filhos na produção. A família trabalha com uma grande variedade de salgados, mas a coxinha é o carro-chefe do negócio. 

"O que a gente mais vende é coxinha, é o mais forte. A gente trabalha com coxinha, enroladinho de salsicha, bolinha de queijo, pastel de queijo com presunto, pastel de queijo com frango e pastel de carne" contou a empreendedora.

Por mês são produzidos em média 2 mil salgadinhos para venda e haja gás para dar conta de toda a demanda. Para produzir os salgados, a família utiliza uma botija a cada 15 dias. 

Para quem é fã dos salgados da Maria das Graças, pode cruzar os dedos para o valor do gás continue em queda, já que isso evita que os salgadinhos aumentem de preço. 

"Está R$ 40 o cento frito, congelado é R$ 35. Se o valor do gás reduzir, a tendência é a gente continuar com este preço. Era para eu aumentar em junho, mas se seguir assim, devo manter o preço. Espero vender bastante salgado" disse Maria das Graças. 

Leia Também: Imposto de Renda: 240 mil no ES não entregaram a declaração

*Com informações do repórter Caio Dias, da TV Vitória/Record TV 

Últimas