Folha Vitória Anchieta registra cerca de 3 casos de dengue por dia desde janeiro

Anchieta registra cerca de 3 casos de dengue por dia desde janeiro

Até o último dia 15 de abril, segundo a secretaria municipal de Saúde, 241 casos foram confirmados no município

Folha Vitória
Foto: Jonas Pereira/Prefeitura de Anchieta
Folha Vitória

Folha Vitória

Folha Vitória

A epidemia de dengue vivida pelo Espírito Santo vem atingindo todos os 78 municípios capixabas. No interior, Anchieta, Região Sul do Estado, das 940 notificações registradas desde janeiro deste ano até o último dia 15 de abril, 241 foram confirmados para a doença.

> Quer receber nossas notícias 100% gratuitas pelo WhatsApp? Clique aqui e participe do nosso grupo de Saúde!

Outros 21 já foram descartadas e 678 casos ainda aguardam resultado. Por causa do aumento significativo de casos secretaria municipal de Saúde tem orientado à população para buscar imediatamente atendimento no Pronto Atendimento da cidade ou no Hospital do Mepes, diante dos seguintes sintomas:

* Febre;

* Dores de cabeça;

* Dores no corpo.

É importante ressaltar que além da dengue, o mosquito Aedes aegypti pode transmitir chikungunya e Zika. 

“A ingestão de líquidos pode e deve ser iniciada aos primeiros sintomas, ainda em casa, e ajuda a prevenir o surgimento de desidratação e na recuperação do paciente. Junto com esse processo, é preciso procurar o atendimento médico”, orienta Jaudete Frontino Denadai, secretaria da pasta.

Ações de combate aos possíveis focos e proliferação do mosquito foram intensificadas no município, porém, a população deve contribuir adotando medidas dentro das residências uma vez que, de acordo com dados do setor, aproximadamente 90% dos focos do mosquito transmissor são encontrados dentro das casas. 

Medidas simples, como não acumular água em recipientes, tampar caixas d'água e tonéis, limpar calhas e quintais e utilizar repelentes e inseticidas são fundamentais para tentar controlar novos casos de dengue na região.

Salas de hidratação

Diante da necessidade de ampliar a hidratação para combater o quadro da dengue, o município disponibiliza uma sala de hidratação que funciona na ESF Centro 3. 

LEIA TAMBÉM: Campanha alerta sobre a necessidade de diagnóstico médico em casos de tontura

Últimas