Logo R7.com
Logo do PlayPlus
Publicidade

Dois acidentes no mesmo dia: piloto espanhol de parapente fica ferido em Castelo

Atleta estrangeiro foi resgatado e não ficou ferido. Identidade de vítima do primeiro acidente ainda não foi divulgada

Folha Vitória|

Folha Vitória
Folha Vitória Folha Vitória

Após a morte de um piloto de parapente após salto na Rampa de Ubá, Patrimônio Do Ouro, em Castelo, no Sul do Espírito Santo, na manhã desta quarta-feira (22), um segundo parapentista que também participava da Copa do Mundo de Parapente acabou ferido. 

>> Quer receber nossas notícias 100% gratuitas? Participe do nosso grupo de notícias no WhatsApp ou entre no nosso canal do Telegram!

Segundo informações do Núcleo de Operações e Transporte Aéreo da Secretaria da Casa Militar (Notaer), o atleta é um espanhol de 45 anos, que também estava em local de difícil acesso.

Desta vez, porém, os bombeiros e o Notaer conseguiram resgatar o competidor por meio do equipamento cesto. O atleta não teve ferimentos graves e sua identidade não foi informada. 

Publicidade

Piloto de parapente morre em Castelo

Por volta das 11h50 desta quarta, um piloto ainda não identificado perdeu a vida após se acidentar na mesma competição. Equipes dos bombeiros e do Notaer tentam retirar o corpo do local do acidente.

Leia Também: Piloto de parapente morre durante competição em Castelo

Publicidade

O atleta sofreu diversos ferimentos após se chocar contra um paredão rochoso depois de saltar da mesma rampa. A morte é a segunda em menos de um mês, em Castelo. 

Em fevereiro, a paraquedista norte-americana Kali Alecia Turner, de 33 anos, morreu após saltar da Rampa do Cabrito.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.