Folha Vitória Hospital Infantil de Vitória amplia consultas de neuropediatria

Hospital Infantil de Vitória amplia consultas de neuropediatria

Serão ofertadas 960 consultas mensais, 40 diariamente, de segunda a sábado. Desse total, 320 acontecerão por meio de teleconsulta

Folha Vitória
Foto: Divulgação/Sesa-ES
Folha Vitória

Folha Vitória

Folha Vitória

O número de consultas para o setor de neuropediatria do Hospital Estadual Infantil Nossa Senha da Glória, em Vitória, foi ampliado. Segundo a Secretaria de Estado da Saúde (Sesa), a partir de agora, serão ofertadas 960 consultas mensais, 40 diariamente, de segunda a sábado.

> Quer receber nossas notícias 100% gratuitas pelo WhatsApp? Clique aqui e participe do nosso grupo de Saúde!

Desse total, 640 acontecerão presencialmente e 320 por teleconsulta. Neste caso, somente depois de um primeiro atendimento presencial. Ainda de acordo com a pasta, o contrato também prevê atendimento para pacientes internados. 

A duração será de uma ano, podendo ser prorrogado por até 60 meses. O investimento inicial é de R$ 2.612.865,36.

“Esse é um passo muito importante para a ampliação de assistência nessa especialidade no Estado. Estamos trabalhando para proporcionar o melhor atendimento aos cidadãos capixabas e conseguir acompanhar de perto todos que precisam desse atendimento tão importante”, disse o secretário Estadual de Saúde, Miguel Duarte.

Consultas ampliadas também no Himaba

Diante da alta demanda pelo serviço de neuropediatra, o Hospital Infantil e Maternidade Alzir Bernardino Alves (Himaba), em Vila Velha, também aumentou a sua capacidade de atendimentos para a área. 

Ao todo, 950 consultas passaram a ser disponibilizadas mensalmente, sendo 350 presenciais e 600 por teleconsulta.

O serviço de teleconsulta ainda não está em funcionamento. A previsão, de acordo com informações da pasta, é para começar ainda neste mês.

No Himaba as consultas somente podem ser agendada por meio de telefone específico: (27) 3191-2770. 

O serviço funciona com cinco telefonistas, de segunda a sexta-feira, das 7h às 19h. Assim como no HINSG, a primeira consulta na especialidade deve ser presencial, em que o paciente deve ser encaminhado pela Unidade Básica de Saúde via Regulação Estadual.

Himaba: problemas para agendamento de consultas e lotação

No início do mês de fevereiro desse ano, familiares de pacientes se revoltaram na recepção do Hospital Estadual Infantil e Maternidade Alzir Bernardino Alves. Diante da longa demora no atendimento, alguns pais não conseguiram marcar a consulta para os filhos.

Foto: Leitor/whatsapp
Folha Vitória

Folha Vitória

Folha Vitória

Na época, quem chegava no local encontrava todas as cadeiras ocupadas e muita gente aguardando até do lado de fora do hospital. Houve tumulto e confusão. Alguns pais chegaram durante a madrugada na expectativa de pegar a senha e conseguir marcar uma consulta.

Foi exatamente depois de um cenário caótico de lotação instaurado no local, a Secretaria de Estado de Saúde anunciou melhorias no quadro médico do hospital.

LEIA TAMBÉM: Himaba: consultas de cardiologia serão marcadas apenas por telefone

Últimas