Logo R7.com
Logo do PlayPlus
Publicidade

Idosa é atendida e médicos descobrem violência doméstica em Cariacica

Mesmo questionada, a paciente insistia em afirmar que havia caído da cama, mas vizinhos foram ao local e contaram que ela havia sido...

Folha Vitória|

Folha Vitória
Folha Vitória Folha Vitória

Uma idosa de 70 anos deu entrada na unidade de saúde de Bela Aurora, em Cariacica, com ferimentos, alegando ter caído da cama. No entanto, os médicos logo descobriram que a história não condizia com as lesões apresentadas.

No primeiro atendimento, a equipe médica ficou intrigada com o relato da idosa, pois além do corte no supercílio direito, foram constatadas outras lesões, como hematomas e escoriações em diferentes partes do corpo.

As lesões, segundo os médicos, não eram compatíveis com uma queda da cama. Mesmo questionada, a paciente insistia em afirmar que havia sido um acidente.

>> Quer receber nossas notícias 100% gratuitas? Participe da nossa comunidade no WhatsApp ou entre no nosso canal do Telegram!

Publicidade

A verdade veio à tona quando vizinhos da idosa chegaram à unidade de saúde e relataram o que realmente havia acontecido. 

Segundo eles, a paciente era vítima de violência doméstica, tendo o agressor sido identificado como seu próprio filho.

Publicidade

Os vizinhos afirmaram que essa não era a primeira vez que a idosa sofria agressões e decidiram ir até a unidade de saúde para contar o que havia realmente acontecido.

Além disso, informaram que o suspeito era usuário de drogas e já havia vendido diversos móveis da casa da idosa para sustentar seu vício. Essa teria sido a motivação para mais uma vez agredir a mãe.

Publicidade

A Polícia Militar foi acionada e, ao chegar à unidade de saúde, soube que o suspeito havia estado no local e ameaçado a mãe. 

As enfermeiras da unidade relataram as ameaças, e após deixar o local, o suspeito foi cercado e agredido por algumas pessoas, que ficaram revoltadas com a situação.

Publicidade

Leia também: VÍDEO | Policial militar de folga é flagrado agredindo morador na Serra

Os policiais militares foram até a casa da idosa, que fica próxima à unidade de saúde, e encontraram o filho escondido dentro da residência. 

Ele alegou estar com medo de ser novamente agredido e foi encaminhado ao Pronto Atendimento de Alto Lage e posteriormente levado ao Plantão Especializado da Mulher, em Vitória.

O suspeito foi autuado em flagrante por lesão corporal. Após passar por exames no Departamento Médico Legal (DML), ele negou ter cometido o crime. Em seguida, foi encaminhado ao Centro de Triagem de Viana.

*Com informações da repórter Ana Carolini Mota, da TV Vitória/Record TV

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.