Logo R7.com
Logo do PlayPlus
Publicidade

Jovem americano contrai parasita e perde a visão após dormir com lentes de contato

Mike Krumholz disse que passou por sete profissionais e que apenas recebeu o diagnóstico correto mais de 1 mês depois, prejudicando...

Folha Vitória

Folha Vitória|Do R7

Folha Vitória
Folha Vitória Folha Vitória

Um jovem americano de 21 anos ficou cego de um olho após tirar um rápido cochilo utilizando lentes de contato. A cegueira foi causada por um parasita carnívoro contraído em uma infecção. 

Mike Krumholz, morador da Flórida, contou nas redes sociais que tudo aconteceu no dia 19 de dezembro de 2022. De acordo com ele, havia resolvido dormir por 40 minutos depois do trabalho, quando percebeu a irritação no olho direito.

>> Quer receber nossas notícias 100% gratuitas? Participe do nosso grupo no WhatsApp ou entre no nosso canal do Telegram!

Ainda segundo o rapaz, outras pequenas infecções já haviam o acometido por esquecer de tirar as lentes, mas nada sério. No entanto, ao perceber que a irritação não cessara, o jovem foi levado para o oftalmologista. 

Publicidade

"(...) Na manhã seguinte, acordei, fui jogar beisebol e tive que tirar as lentes imediatamente. Eu disse aos meus pais: Tenho que ir ao oftalmologista, algo não está certo," contou em entrevista ao Daily Star. 

Parasita comedor de carne

O americano foi então diagnosticado com ceratite (inflamação da córnea) por Acanthamoeba. A infecção é causada por um parasita comedor de carne que se alimenta do olho de Mike. 

Publicidade

Devido ao diagnóstico, o jovem já está há mais de 50 dias sem possibilidade de trabalhar ou estudar. 

“É muito estranho não poder ver as pessoas. Você não quer que as pessoas se sintam mal por você, mas ao mesmo tempo você quer viver como um jovem de 21 anos que está na faculdade", disse.

Publicidade

O jovem ainda contou que enfrenta uma dor física agoniante. “Eu não poderia explicar uma dor como essa na minha vida. É como um choque constante, é uma dor constante. Tenho gritado de dor", contou ao Daily Star.

Diagnóstico raro

Segundo informações dos CDC (Centros de Controle e Prevenção de Doenças), somente 1 em 33 casos a cada milhão de usuários de lentes de contato é diagnosticado o parasita. 

Mike disse que precisou passar por sete profissionais e que apenas recebeu o diagnóstico correto mais de 1 mês depois, prejudicando a recuperação e tratamento. 

Mike foi diagnosticado inicialmente com HSV, vírus do herpes simples 1, e foi erroneamente tratado com antibióticos e esteroides, o que apenas acelerou a taxa de propagação do parasita.

Agora, com o tratamento coreto, Mike passou por terapia fotodinâmica e cirurgia de retalho conjuntival, onde os cirurgiões pegam o "branco" do olho dele e o colocam sobre a pupila, com o objetivo de vencer o parasita.

Sem visão e transplante descartado por enquanto

Apesar do tratamento, o jovem ainda não tem visão no olho direito, somente alguns vultos. "A córnea está muito turva e porque o parasita comeu muito dela. Eles disseram que não sou elegível agora para um transplante de olho porque tenho 21 anos," disse o rapaz.

Mike agora arrecada dinheiro para continuar o tratamento contra o parasita e já possui mais de US$ 3 mil, cerca de R$ 20 mil. A meta do jovem é equivalente a R$ 52,2 mil.

Para conscientizar outras pessoas, o rapaz começou a fazer vídeos no TikTok sobre os cuidados necessários ao utilizar lentes de contato. Ao todo, Mike já conquistou mais de 20 mil seguidores. Confira:

*Com informações do Portal R7

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.