Folha Vitória Mulher tem os dentes quebrados depois de ser agredida pelo marido em Cariacica

Mulher tem os dentes quebrados depois de ser agredida pelo marido em Cariacica

De acordo com o relato da vítima, o suspeito escondia algum objeto no bolso da bermuda e não queria que ela descobrisse

Folha Vitória
Foto: Divulgação/ Polícia Militar
Folha Vitória

Folha Vitória

Folha Vitória

Uma mulher foi agredida pelo próprio companheiro na noite de Natal dentro de casa onde o casal morava, no bairro Nova Rosa da Penha, em Cariacica. A vítima, de 42 anos, teve os dentes quebrados por conta da violência.

O crime aconteceu neste domingo (25). Os dois estava juntos há 11 anos. A mulher conversou com a equipe de reportagem da TV Vitória, mas não quis ser identificada. Segundo ela, o marido, de 57 anos, chegou em casa alcoolizado.

>> Quer receber nossas notícias 100% gratuitas? Participe do nosso grupo de notícias no WhatsApp ou entre no nosso canal do Telegram!

"Ele chegou bêbado, mas foi dormir. Quando eu fui para o quarto, entrei no banheiro e ele acordou porque não queria que eu visse o que ele tinha guardado no bolso da bermuda", relatou. 

Intrigada pelo o que o companheiro estaria escondendo, a mulher o questionou para saber o que tinha na peça de roupa. O suspeito não gostou da atitude e começou a agredir com empurrões e apertos no pescoço. Segundo ela, o marido estaria escondendo comprimidos de estimulante sexual. 

A vítima disse ainda que o companheiro começou a bater nela dentro do banheiro. Em seguida, ele a arrastou pela cozinha e garagem da casa. A violência só acabou quando a Polícia Militar chegou no local.

A violência foi tanta que a mulher perdeu parte dos dentes. Isso porque o suspeito apertou a boca dela e acabou quebrando a prótese de silicone que ela usava.

Na residência, os militares encontraram três armas de fabricação semi-industrial e munições. A vítima disse que vai voltar para a casa em que morava com o homem, mas que não quer ter nenhum contato com ele. 

"Eu espero que a justiça seja feita e eu possa voltar pra casa". 

A Polícia Civil informou que o suspeito foi conduzido à Delegacia Especializada de Plantão Especializado da Mulher (PEM), onde foi autuado em flagrante por lesão corporal na forma da lei Maria da Penha, posse ilegal de arma de fogo e foi encaminhado ao Centro de Triagem de Viana (CTV). 

As armas apreendidas serão encaminhadas para o setor do Departamento de Criminalística Balística, juntamente com as munições.

*Com informações da repórter Alessandra Ximenes, da TV Vitória/Record TV. 

Últimas