Folha Vitória Ovos de Páscoa registram alta de 15% de um ano para o outro no ES

Ovos de Páscoa registram alta de 15% de um ano para o outro no ES

A Associação Capixaba de Supermercados associa o aumento aos custos operacionais, como embalagem, energia e combustível

Folha Vitória
Foto: Divulgação
Folha Vitória

Folha Vitória

Folha Vitória

De acordo com a Associação Capixaba de Supermercados (Acaps), os ovos de Páscoa estão 15% mais caros em relação aos valores do ano passado. Para a associação, os custos operacionais, como embalagem, energia e combustível são fatores que contribuíram para o aumento.  

Percorrendo os supermercados da Grande Vitória, o preço varia de acordo com a marca e com o peso do chocolate. Ovos com 150 gramas estão custando cerca de R$ 69,99; 365 gramas custam em média R$ 98,64; 120 gramas saem por R$ 45,77. O mais barato, de 45 gramas, custa R$ 15,39.

>> Quer receber nossas notícias 100% gratuitas? Participe da nossa comunidade no WhatsApp ou entre no nosso canal do Telegram!

Para quem não abre mão do chocolate nesta época do ano, mas não pode investir nos ovos de Páscoa, as barras de chocolate e as caixas de bombons podem ser ótimas alternativas. 

Uma barra de chocolate de 92 gramas custa em média R$ 5,74 e pesa 92 gramas, ou seja, com pouco mais de R$ 11 é possível adquirir mais de 180 gramas de chocolate. 

Ovos gourmet

O empreendedor Nicholas Lyrio, que vende ovos de Páscoa gourmet, afirma que alguns produtos aumentaram quase 10% quando comparado ao ano passado, porém, mesmo assim, a expectativa é de crescimento do número de pedidos. 

"Nós nos preparamos para aumentar em cerca de 20% a quantidade de encomendas em relação ao ano passado. Inclusive, adotamos algumas estratégias para alcançar esse objetivo. Para incentivar os nossos clientes a não deixarem os pedidos para a última hora, quem comprar por agora terá desconto de R$ 10, daqui a algumas semanas, cairá para R$ 5 e, próximo à Páscoa, o cliente irá pagar o valor integral do produto", disse o empreendedor.

*Com informações da repórter Luana Damasceno da TV Vitória/RecordTV

Últimas