Folha Vitória Polícia e EDP flagram "gato" de energia em distribuidora de bebidas na Serra

Polícia e EDP flagram "gato" de energia em distribuidora de bebidas na Serra

Durante inspeção peritos constataram uma fraude no medidor do estabelecimento, proprietária foi levada à delegacia para prestar depoimento...

Folha Vitória
Foto: Reprodução/PCES
Folha Vitória

Folha Vitória

Folha Vitória

A proprietária de uma distribuidora de bebidas e pizzaria no Bairro Cidade Continental, na Serra, foi levada à delegacia após policiais civis e técnicos da EDP constatarem furto de energia no estabelecimento, na manhã desta quinta-feira (11). 

Durante uma inspeção, os peritos descobriram uma fraude no medidor de luz, o que caracteriza o crime. Segundo os profissionais, com o furto, parte da energia consumida pelo estabelecimento não pera paga pelos proprietários. 

>> Quer receber nossas notícias 100% gratuitas? Participe da nossa comunidade no WhatsApp ou entre no nosso canal do Telegram!

No Brasil, o furto de energia, conhecido popularmente como "gato", é considerado crime pelo Código Penal e pode render de um a quatro anos de reclusão, além de multa. Além disso, a prática pode provocar sobrecarga da rede elétrica e corte de fornecimento a residências e ruas. 

A Polícia Civil informou que o crime afeta todos os usuários da rede, uma vez que o custo da energia utilizada irregularmente pelos infratores acaba repassado aos demais consumidores, devido a quedas de energia. 

A dona da distribuidora foi levada à Delegacia Regional Patrimonial, em Vitória, para prestar esclarecimentos. Além do processo criminal, os responsáveis pelo estabelecimento terão de lidar com os valores não pagos durante o período de irregularidade.

Leia Também: Piloto investigado por transportar drogas em helicóptero é preso pela PF no ES

Últimas