Logo R7.com
Logo do PlayPlus
Publicidade

Thomaz Costa rebate Tati Zaqui e diz ter sido vítima de um relacionamento abusivo

O caso foi registrado em uma delegacia de São Caetano do Sul como violência doméstica, dano, ameaça e violência psicológica

Folha Vitória|

Folha Vitória
Folha Vitória Folha Vitória

Após Tati Zaqui ter registrado um boletim de ocorrência por suposta agressão, o ator Thomaz Costa reagiu às denúncias, nesta sexta-feira (19), e disse que as marcas nas pernas dela foram provocadas pela própria cantora. 

Costa afirmou ainda que "foi vítima de um relacionamento abusivo". Os dois — que se envolveram em A Fazenda 14, da Record TV — anunciaram o fim do relacionamento no início deste mês.

"Eu tomei conhecimento agora pela internet do que está acontecendo, e o que eu tenho pra provar, eu vou provar sim, mas na Justiça, com o maior prazer. Eu tenho fotos, tenho vídeos também", disse ele.

>> Quer receber nossas notícias 100% gratuitas? Participe da nossa comunidade no WhatsApp ou entre no nosso canal do Telegram!

Publicidade

"Eu fui vítima, sim, de um relacionamento abusivo e eu vou provar pra vocês que homens também sofrem relacionamento abusivo. Essas marcas que ela mostrou pra vocês são marcas provocadas por ela mesma, tentando me agredir, vindo pra cima de mim, me chutando, e machucava a perna", acrescentou.

O ator finalizou o vídeo ao dizer que estava se defendendo. "Eu tenho como provar tudo, detalhe por detalhe, vou provar com gosto na Justiça, mas não quero me atrapalhar aqui na viagem, na minha paz, fechou?", concluiu ele, que está em viagem pelo Paraná.

Publicidade

Depoimento de Tati Zaqui à polícia

De acordo com o boletim, a funkeira relatou à polícia "ter sido vítima de violência doméstica na tarde do sábado, dia 13 de maio, em um apartamento na avenida Presidente Kennedy, no bairro Santa Paula, em São Caetano do Sul".

LEIA TAMBÉM: Gerard Piqué não teria gostado da presença dos filhos em clipe de Shakira

Publicidade

"A vítima compareceu à delegacia na tarde desta quinta-feira (18) e contou aos policiais que foi agredida com mordidas na perna pelo seu companheiro, de 23 anos. Ainda de acordo com o seu depoimento, ela foi ameaçada com uma faca", diz trecho da ocorrência.

"Foram solicitadas medidas protetivas de urgência à vítima, e o caso foi registrado como violência doméstica, dano, ameaça, violência psicológica contra a mulher e lesão corporal na Delegacia de São Caetano do Sul".

Publicidade

Ao R7, a assessoria jurídica da cantora disse que ela "foi submetida ao exame de corpo de delito no Instituto Médico-Legal de Santo André (SP), para apurar os hematomas apresentados", e que, após analisar as provas, a Justiça concedeu uma medida protetiva a Tati, proibindo, assim, o ator de se aproximar da funkeira.

*Com informações do Portal R7.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.