Gazeta Digital Nova etapa do eSocial entrará em vigor no dia 1º de julho

Nova etapa do eSocial entrará em vigor no dia 1º de julho

Gazeta Digital
Esocial

Esocial

Gazeta Digital

O sistema eSocial do Governo Federal avança mais uma etapa e a partir de primeiro de julho deste ano todas as empresas, incluindo o Microempreendedor Individual (MEI), terão que utilizar o sistema de Segurança e Saúde do Trabalho (SST). Diante da obrigatoriedade, que atinge principalmente os empreendimentos prestadores de serviços terceirizados, o Sindicato das Empresas de Asseio, Conservação e Locação de Mão de Obra no Estado de Mato Grosso (Seac-MT) realizará nos dias 11 e 12 de junho, curso aos associados para dirimir dúvidas sobre o assunto.

O evento ocorrerá no Hotel Holiday Inn, das 8h às 12h e das 14h às 18h, nos dois dias, e o curso será ministrado pelo contabilista José Ribeiro Silva.

Nessa fase do eSocial os empregadores terão que inserir informações dos trabalhadores no Programa de Controle Médico de Saúde Ocupacional (PCMSO) e no Programa de Prevenção de Risco Ambientem (PPRA), no trabalho. Ambos têm como objetivo preservar a saúde e integridade física dos trabalhadores e vão passar a fazer parte do SST.

Admissões, mudanças de funções, períodos de licenças e retorno ao trabalho e demissões são algumas das informações a serem prestadas e qualquer inconsistência poderá gerar multas e abertura de processo para verificar se a falha é referente à inadimplência ou sonegação.

“A partir de janeiro do próximo ano a previsão é a de que o eSocial seja implantado por completo e nesse período mais informações terão que ser sistematicamente informadas aos órgãos de controle e fiscalização, como salários, encargos e horas extras”, lembra o presidente do Seac-MT, Salmen Ghazale.

O eSocial engloba informações relacionadas ao Ministério do Trabalho e Emprego (MTE), Banco do Brasil (PASEP), Caixa Econômica Federal (PIS e FGTS), Receita Federal e do INSS.

Últimas