Portal Correio Defesa Civil Nacional reconhece situação de emergência em mais municípios da Paraíba

Defesa Civil Nacional reconhece situação de emergência em mais municípios da Paraíba

A Defesa Civil Nacional reconheceu, nesta semana, situação de emergência em 17 municípios do país atingidos por desastres naturais, entre elas Bernardino Batista, Junco do Seridó e Tacima, no interior da Paraíba. De acordo com portaria publicada no Diário Oficial da União (DOU), os municípios paraibanos são afetados por estiagem. O problema também atinge Casa […]

Portal Correio
Portal Correio

Portal Correio

Portal Correio
Foto: José Cruz/Agência Brasil

A Defesa Civil Nacional reconheceu, nesta semana, situação de emergência em 17 municípios do país atingidos por desastres naturais, entre elas Bernardino Batista, Junco do Seridó e Tacima, no interior da Paraíba.

MPPB recomenda suspensão do concurso público da Prefeitura de Ingá

De acordo com portaria publicada no Diário Oficial da União (DOU), os municípios paraibanos são afetados por estiagem. O problema também atinge Casa Nova-BA, Queimadas-BA, Itapipoca-BA e São Paulo do Potengi-RN.

A Defesa Civil também reconheceu situação de emergência por seca em Mombaça-CE e Poço Redondo-SE; por chuvas intensas em Baixa Grande-BA, Caruaru-PE, São Benedito do Sul-PE, Abelardo Luz-SC, Campo Erê-SC e Ibicaré-SC; por granizo em Campos Gerais-MG; e por enxurradas em Saudades-SC.

Municípios em situação de emergência ou estado de calamidade pública reconhecido pela Defesa Civil Nacional estão aptas a solicitar recursos do Ministério do Desenvolvimento Regional (MDR) para atendimento à população afetada.

As ações envolvem socorro, assistências às vítimas, restabelecimento de serviços essenciais e reconstrução de infraestrutura destruída ou danificada. A solicitação deve ser feita por meio do Sistema Integrado de Informações sobre Desastres.

Com base nas informações enviadas, a equipe técnica da Defesa Civil Nacional avalia as metas e os valores solicitados. Com a aprovação, é publicada portaria no DOU com a valor ser liberado.

Últimas