Logo R7.com
Logo do PlayPlus
Publicidade

Brasil tem 1,7 milhão de indígenas, mostram dados do Censo 2022

Pouco mais da metade da população vive na Amazônia Legal, área formada pelos estados do Norte, Mato Grosso e parte do Maranhão

Economia|Do R7

População indígena cresceu 88,82% em 12 anos
População indígena cresceu 88,82% em 12 anos População indígena cresceu 88,82% em 12 anos

A população indígena do Brasil chegou a 1.693.535 pessoas em 2022, o que representa 0,83% do total de habitantes do país, mostram dados do Censo Demográfico 2022 revelados nesta segunda-feira (7) pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística).

De acordo com as informações, pouco mais da metade dos indígenas (51,25%, ou 867,9 mil pessoas) encontra-se concentrada na região da Amazônia Legal. A região é formada pelos estados do Norte, por Mato Grosso e parte do Maranhão.

Em 2010, quando foi realizado o Censo anterior, foram contabilizados 896.917 indígenas no Brasil. Isso equivale a um aumento de 88,82% em 12 anos, período em que esse contingente quase dobrou. O crescimento do total da população nesse mesmo período foi de 6,5%.

Marta Antunes, responsável pelo projeto de Povos e Comunidades Tradicionais do IBGE, afirma que o aumento do número de indígenas no período intercensitário é explicado majoritariamente pelas mudanças metodológicas feitas para melhorar a captação dessa população.

Publicidade

"Só com os dados por sexo, idade e etnia e os quesitos de mortalidade, fecundidade e migração será possível compreender melhor a dimensão demográfica do aumento do total de pessoas indígenas entre 2010 e 2022, nos diversos recortes", destaca.

Compartilhe esta notícia no WhatsApp

Publicidade

Compartilhe esta notícia no Telegram

"Existe o fato de termos ampliado a pergunta ‘você se considera indígena?’ para fora das terras indígenas. Em 2010, vimos que 15,3% da população que respondeu dentro das Terras Indígenas que era indígena veio por esse quesito de declaração”, completa Marta. 

Publicidade

Na edição anterior do Censo, o quesito de cor ou raça foi aplicado a todas as pessoas pesquisadas. No Censo 2022, cerca de 27,6% da população indígena do país assim se declarou por meio dessa pergunta de cobertura.

Quando essas pessoas eram residentes das Terras Indígenas oficialmente delimitadas e se declaravam como brancas, pretas, pardas ou amarelas, ou seja, não respondiam que eram indígenas nesse quesito, havia a abertura da pergunta “você se considera indígena?”.

Localização

Os dois estados com maior número de pessoas indígenas, Amazonas (490,9 mil) e Bahia (229,1 mil), concentram 42,51% do total dessa população no Brasil. Entre os municípios, Manaus é aquele com maior número de indígenas: 71,7 mil. A capital amazonense é seguida de São Gabriel da Cachoeira (AM), que tinha 48,3 mil habitantes indígenas, e Tabatinga (AM), com 34,5 mil.

A Terra Indígena Yanomami (AM/RR) é aquela com o maior número de pessoas indígenas (27.152), seguida pela Raposa Serra do Sol (RR), com 26.176 habitantes indígenas, e pela Évare I (AM), com 20.177.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.