Logo R7.com
Logo do PlayPlus
Publicidade

Preço médio da gasolina cai 0,8% nos postos na 2ª semana de fevereiro, diz ANP

Já o preço médio do diesel S-10 caiu 1% nas bombas, registrando queda de R$ 0,07 por litro

Economia|Do R7

Posto de combustível na região central da cidade de São Paulo (SP)
Posto de combustível na região central da cidade de São Paulo (SP) Posto de combustível na região central da cidade de São Paulo (SP)

O preço médio da gasolina nos postos de abastecimento do País caiu 0,8%, para R$ 5,08 por litro na semana que vai de 5 de fevereiro a 11 de fevereiro. Na semana anterior, esse preço era de R$ 5,12. Os dados foram publicados na noite de sexta-feira, 10, pela Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP).

O movimento indica acomodação de preços ante o aumento da semana imediatamente anterior, de 3%, então ligado a repasses do aumento de 7,4% praticado pela Petrobras em suas refinarias a partir de 25 de janeiro. Duas semanas depois, os efeitos do reajuste da Petrobras já foram totalmente absorvidos pelo varejo.

Após o solavanco da semana passada, a queda de momento pode ser explicada por ajuste de mercado ligado à competição entre varejistas. Isso porque outras variáveis que incidem diretamente sobre o preço da gasolina permaneceram estáveis ou até avançaram nos últimos dias.

Uma delas, o preço de refinarias privadas, puxado pela Refinaria de Mataripe (BA), da Acelen, que responde por 14% do mercado brasileiro, ficou estável esta semana. Já o etanol anidro, que representa 27% da mistura do combustível, viu o preço subir 1,78% na semana até hoje (10), para R$ 3,13 por litro, nas usinas de São Paulo. A medição é do Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada da Escola Superior de Agricultura da USP (Cepea/Esalq-USP). Foi a terceira alta semanal seguida do etanol anidro.

Publicidade

Diesel S10 e GLP

O preço médio do diesel S-10 caiu 1% nas bombas, registrando queda de R$ 0,07 por litro, para R$ 6,32 esta semana, ante R$ 6,39 nos sete dias anteriores.

Publicidade

A queda indica que o efeito da redução de 8,9%, ou R$ 0,40, no preço do diesel vendido a distribuidores pela Petrobras esta semana ainda não chegou ao consumidor final e deve se fazer sentir somente no levantamento da ANP da próxima semana.

O gás liquefeito de petróleo (GLP) ou gás de cozinha, amplamente consumido pela população, experimentou queda de 0,2%, quase estabilidade no preço ao consumidor. Entre 5 e 11 de fevereiro, o botijão de 13 quilos custou, em média, R$ 108 frente a R$ 108,20 na semana anterior. O movimento recoloca o insumo em trajetória de quedas leves, interrompida na semana passada, após sete baixas semanais seguidas ao consumidor final.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.