Logo R7.com
Logo do PlayPlus
Publicidade

Reforma trabalhista vai permitir até três férias por ano

Proposta prevê que um dos períodos deve ser de, no mínimo, duas semanas

Economia|Do R7

Proposta de reformulação da CLT amplia as regras das férias
Proposta de reformulação da CLT amplia as regras das férias Proposta de reformulação da CLT amplia as regras das férias

Os trabalhadores brasileiros poderão decidir por até três períodos de férias remuneradas durante o ano, de acordo com a proposta de reforma trabalhista defendida pelo governo Michel Temer e em discussão no Congresso.

Pela regra atual, o fracionamento das férias de dias pode ser feito em, no máximo, duas vezes. Com a alteração proposta na reforma, o trabalhador poderá usufruir dos dias de descanso em até três períodos, desde que um deles seja de, no mínimo, duas semanas consecutivas.

Para isso, é preciso que o fracionamento seja aprovado pelo sindicato e pelas empresas, além de estar incluído na convenção ou acordo coletivo de trabalho.

A proposta prevê também que o pagamento das férias, em três períodos durante o ano, será proporcional aos dias de descanso.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.