Educação Haddad sanciona Lei que inclui comida orgânica na merenda escolar 

Haddad sanciona Lei que inclui comida orgânica na merenda escolar 

Plano de Introdução de Alimentos Orgânicos na Alimentação Escolar será criado em 180 dias

  • Educação | Do R7

A nova Lei deverá ser implantada de forma gradativa

A nova Lei deverá ser implantada de forma gradativa

Victor Soares/ABr

O prefeito de São Paulo, Fernando Haddad, sancionou nesta quarta-feira (18) um projeto de Lei que prevê a inclusão de alimentos orgânicos na merenda escolar das escolas da rede municipal.

A Lei obriga que os alimentos orgânicos utilizados sejam oriundos da agricultura familiar, devidamente certificados ou produzidos por agricultores familiares que façam parte de uma OCS (Organização de Controle Social ), cadastrada no Ministério da Agricultura.

A nova Lei deverá ser implantada de forma gradativa. Segundo reportagem publicada pelo jornal Folha de S. Paulo, as estratégias das metas deverão constar no Plano de Introdução Progressiva de Alimentos Orgânicos ou de Base Agroecológica na Alimentação Escolar a ser elaborado dentro de 180 dias pelo Executivo Municipal.

O projeto é de autoria do vereador Gilberto Natalini (PV) com a participação de outros parlamentares.

— Espero que o projeto seja aprovado para o bem da agricultura e saúde das nossas crianças. 

Leia mais notícias de Educação no R7 

Últimas