Logo R7.com
Logo do PlayPlus
Eleições 2016
Publicidade

Votação tem menos de 1% de urnas substituídas e nenhuma seção com urna manual

Total de 814 urnas eletrônicas tiveram que ser substituídas

Eleições 2016|Do R7, em Brasília

Votação tem menos de 1% de urnas substituídas e nenhuma seção com voto manual
Votação tem menos de 1% de urnas substituídas e nenhuma seção com voto manual Votação tem menos de 1% de urnas substituídas e nenhuma seção com voto manual

A votação do segundo turno das Eleições municipais de 2016 teve 814 urnas substituídas em todo o País, de acordo com boletim divulgado pouco antes das 18h pelo TSE (Tribunal Superior Eleitoral). O número representa menos de 1% do total, ou 0,882%. Em nenhuma das 90.532 seções eleitorais foi necessário o uso de votação manual. 

Exatamente 32.986.856 de eleitores brasileiros estavam aptos a voltar às urnas neste domingo (30) para escolher os prefeitos de 57 cidades do País no 2º turno das Eleições 2016. Em todos esses municípios, todos com mais de 200 mil eleitores, nenhum dos candidatos conseguiu mais da metade dos votos válidos no 1º turno, realizado no dia 2 de outubro, e agora vão disputar a segunda etapa do pleito.

Dezoito capitais tiveram segundo turno: Porto Alegre (RS), Florianópolis (SC), Curitiba (PR), Rio de Janeiro (RJ), Vitória (ES), Belo Horizonte (MG), Campo Grande (MS), Goiânia (GO), Cuiabá (MT), Maceió (AL), Recife (PE), São Luís (MA), Fortaleza (CE), Aracaju (SE), Manaus (AM), Macapá (AP), Porto Velho (RO) e Belém (PA).

Do total de eleitores no 2º turno, 12,8 milhões votaram usando o sistema biométrico de identificação pelas impressões digitais. 

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.