Logo R7.com
Logo do PlayPlus
Eleições 2022
Publicidade

Bolsonaro questiona Lula sobre corrupção na Petrobras: 'Governo feito à base de roubo'

Pergunta do presidente foi direcionada ao petista durante o debate promovido pela TV Bandeirantes na noite deste domingo (28)

Eleições 2022|Do R7, em Brasília


Ex-presidente Lula e o presidente Jair Bolsonaro durante o debate da TV Bandeirantes
Ex-presidente Lula e o presidente Jair Bolsonaro durante o debate da TV Bandeirantes

Ao questionar o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) sobre corrupção na Petrobras, o presidente Jair Bolsonaro disse na noite deste domingo (28) que a gestão do petista ocorreu "à base de roubo" e que foi o "governo mais corrupto da história do Brasil".

Em sua defesa, Lula disse que, durante sua gestão, a estatal cresceu por meio de uma capitalização de R$ 70 bilhões. "O meu governo é marcado pela maior política de inclusão social, pela maior geração de emprego, pelo maior aumento de salário mínimo, pelo maior investimento na agricultura familiar, pelo maior investimento na criação da Lei Geral da Pequena Empresa", argumentou.

Presidenciáveis reunidos durante o debate
Presidenciáveis reunidos durante o debate

As indagações ocorreram durante o debate entre seis presidenciáveis promovido pelo grupo Bandeirantes, TV Cultura, Folha de S.Paulo e UOL. Também marcaram presença no encontro Ciro Gomes (PDT), Felipe D'Avila (Novo), Simone Tebet (MDB) e Soraya Thronicke (União Brasil).

De acordo com o chefe do Executivo, a Petrobras, ao longo de 14 anos de governos do PT, se endividou em aproximadamente R$ 900 bilhões, fruto de "desmandos, refinarias começadas e não concluídas, entre outras coisas".

Publicidade

"Esses R$ 900 bilhões dariam para fazer 60 vezes a transposição do rio São Francisco. Ou seja, o povo nordestino sofreu por falta d'água por causa de corrupção do seu governo. Mais ainda: esse montante é equivalente a 120 vezes o orçamento do Ministério da Infraestrutura", afirmou Bolsonaro, que questionou: "O senhor quer voltar ao poder para quê, para continuar fazendo a mesma coisa na Petrobras?".

Em resposta, o petista afirmou que o seu governo foi o que mais investigou a corrupção. "Fizemos o Portal da Transparência, a fiscalização da CGU [Controladoria-Geral da União], a Lei de Acesso à Informação, a Lei Anticorrupção, a lei contra crime organizado, a lei contra lavagem de dinheiro, fizemos o Coaf [Conselho de Controle de Atividades Financeiras] funcionar [para fiscalizar] as movimentações bancárias atípicas", elencou Lula.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.