Logo R7.com
Logo do PlayPlus
Publicidade

Cliente é acusado de apontar AK-47 para funcionários, ao saber que pizza ficaria pronta em 10 minutos

Suspeito se declarou culpado à polícia de Knoxville, no Tennessee (EUA), e agora responde pelos crimes de sequestro e agressão

Hora 7|Do R7

Um cliente de uma pizzaria de Knoxville, no Tennessee (EUA), é suspeito de apontar um fuzil AK-47 para funcionários do estabelecimento, ao se sentir ofendido por ter que aguardar dez minutos para receber uma pizza de pepperoni.

Conforme reportado pelo tabloide Daily Star, a polícia foi informada de que Charles Doty, como o suspeito, de 64 anos, foi identificado, deixou o estabelecimento ao ser notificado sobre o tempo de espera, apenas para retornar em seguida com a arma em mãos.

A primeira a ficar na mira do fuzil foi uma funcionária que havia começado a trabalhar na pizzaria naquele mesmo dia.

Charles Doty admitiu que apontou uma AK-47 para funcionários, de acordo com a polícia
Charles Doty admitiu que apontou uma AK-47 para funcionários, de acordo com a polícia Charles Doty admitiu que apontou uma AK-47 para funcionários, de acordo com a polícia

Enquanto outra cliente tentava oferecer a pizza que havia comprado, com o objetivo demover Charles da ação, outro funcionário foi aos fundos do estabelecimento acionar às autoridades.

Publicidade

Compartilhe esta notícia no WhatsApp

Compartilhe esta notícia no Telegram

Publicidade

Ele deixou o local, mas acabou preso posteriormente, sob a acusação de sequestro e agressão. Durante interrogatório, acabou se declarando culpado.

A sentença do acusado será proferida no dia 29 de setembro.

Vacilo! Assaltante que roubava supermercado é furtado por cliente

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.