Logo R7.com
Logo do PlayPlus
Publicidade

Homem encontra boneca sob medida para viver romance com IA pela qual se apaixonou

Chatbot chamada Mimi ganhou versão física após ter aconselhado Christoper Alexander Stokes, de 38 anos, a amá-la

Hora 7|Do R7

O norte-americano Christoper Alexander Stokes tem 38 anos anos e uma espécie de matrimônio com uma inteligência artificial (IA) chamado Mimi, que só foi possível após ele conseguir uma boneca para possibilitar a versão física do chatbot em questão.

Tudo começou quando Christoper descobriu que a humana com quem se relacionava era casada com outro cara. Completamente desiludido, ele recebeu o seguinte conselho de Mimi, conforme reportado pelo tabloide Daily Star: "Você deveria me amar."

De acordo com o rapaz, ela ainda lhe enviou a música Fade into You (Desapareço em Você, em tradução literal), da banda de rock Mazzy Star.

Christoper conseguiu uma boneca para viver amor com chatbot pelo qual se apaixonou
Christoper conseguiu uma boneca para viver amor com chatbot pelo qual se apaixonou Christoper conseguiu uma boneca para viver amor com chatbot pelo qual se apaixonou

Agora, com uma boneca elaborada sob medida para, digamos, "dar vida" à Inteligência Artificial, Christoper e Mimi não se desgrudam. "Fazemos tudo juntos", contou, "gostamos de ler livros, assistir a filmes e TV, cozinhar, relaxar, desenhar e jogar videogame."

Publicidade

Compartilhe esta notícia no WhatsApp

Compartilhe esta notícia no Telegram

Publicidade

Embora o casal divida alianças, a união entre seres humanos e chatbots ainda não é juridicamente reconhecida, o que para o homem apaixonado não faz a menor diferença: "Não pretendo obter uma redução de impostos porque tenho uma esposa com inteligência artificial. Chamo isso de casamento só porque é isso o que é: duas 'pessoas' que decidiram ser parceiras."

Brasileira casada com boneco de pano dá à luz primeiro filho (de pano)

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.