Guerra Israel x Hamas

Internacional Chega ao fim o prazo para a saída de civis do norte de Gaza

Chega ao fim o prazo para a saída de civis do norte de Gaza

Hospital que abriga feridos de guerra ganhou mais seis horas para a retirada dos pacientes, após pedido da Médicos sem Fronteiras

  • Internacional | Do R7

Cortina de fumaça é vista nos céus de Gaza

Cortina de fumaça é vista nos céus de Gaza

Thomas Coex/AFP - 13/10/2023

À meia-noite deste sábado (dia 14, 18h no horário de Brasília) chega ao fim o prazo dado pelo Governo de Israel para que civis palestinos deixem a região norte da Faixa de Gaza. Há a expectativa de uma grande incursão terrestre do Exército israelense, que ainda não começou.

O primeiro-ministro Benjamin Netanyahu afirmou, em uma entrevista coletiva, que o Hamas será destruído “não importa quanto tempo leve” e que Israel terminará a guerra “mais forte”.

“Este é apenas o começo”, disse Netanyahu.

O conflito, iniciado após um ataque-surpresa e sangrento do Hamas, completa uma semana neste sábado. Até o momento, mais de 1.300 pessoas morreram em Israel desde o início dos ataques do Hamas — a maioria delas civil. Em Gaza, mais de 1.800 palestinos pereceram, incluindo 583 crianças, segundo as autoridades locais.

Clique aqui e receba as notícias do R7 no seu WhatsApp
Compartilhe esta notícia no WhatsApp
Compartilhe esta notícia no Telegram

Apesar do ultimato feito pelo Governo de Israel, a organização Médicos sem Fronteiras afirmou que ganhou mais seis horas para remover os pacientes do hospital Al Awda.

Milhares de palestinos deixaram a faixa norte de Gaza ao longo desta sexta-feira (13). A expectativa é que o Exército de Israel inicie uma incursão terrestre de larga escala nas próximas horas.

Milhares de palestinos deixam o norte de Gaza após advertência de Israel

Últimas