Coroação do rei Charles 3º

Internacional Como será a coroação? Saiba a programação completa do evento que promete parar o Reino Unido

Como será a coroação? Saiba a programação completa do evento que promete parar o Reino Unido

Rei Charles 3° será coroado no sábado (6), em cerimônia religiosa; atividades relacionadas ao evento se estendem até segunda (8)

  • Internacional | Maria Cunha*, do R7

Resumindo a Notícia
  • Rei Charles 3º será coroado no sábado (6), em cerimônia religiosa, em Londres.

  • Atividades relacionadas ao evento se estendem até segunda-feira (8).

  • Charles é o 60° monarca do país e das nações que compõem a Commonwealth.

  • Soberano ascendeu ao trono após a morte de sua mãe, a rainha Elizabeth 2ª.

Coroação acontece em cerimônia religiosa

Coroação acontece em cerimônia religiosa

Reuters - 28.4.2023

Milhões de pessoas ao redor do mundo estarão de olho na coroação do rei Charles 3°, que acontece no próximo sábado (6), em Londres. Charles é o 60° monarca do país e das nações que compõem a Commonwealth.

O recém-nomeado soberano ascendeu ao trono após a morte de sua mãe, a rainha Elizabeth 2ª, em setembro de 2022. Agora, ele será coroado ao lado da rainha consorte Camilla, durante uma cerimônia na Abadia de Westminster, em Londres.

O dia seguinte à cerimônia será marcado por várias comemorações, inclusive festas de rua e shows, na parte da noite. Pubs e bares poderão ficar abertos por mais duas horas e segunda-feira (8) será feriado nacional no país.

Segundo a revista Time, o Palácio de Buckingham afirmou que o evento será modernizado, para refletir o papel atual da monarquia. Ainda assim, serão mantidas as "tradições e pompa de longa data" vistas na coroação da rainha Elizabeth 2ª, em 1953. 

• Compartilhe esta notícia no WhatsApp

• Compartilhe esta notícia no Telegram

Mais de 2.000 pessoas foram convidadas para a coroação, como familiares de Charles e Camilla, chefes de Estado, líderes religiosos, membros da realeza de outros países e representantes da sociedade. 

Confira a programação da coroação: 

Pelo horário de Brasília, os eventos vão começar na madrugada de sábado (6) e terminam na segunda-feira (8).

Sábado - 6/5

2h: desfile

As celebrações formais começam com um desfile, com aproximadamente 200 oficiais das Forças Armadas britânicas. Eles partem do Palácio de Buckingham em direção à Abadia de Westminster, onde ocorrerá a cerimônia religiosa.

Aos que desejarem garantir uma visão privilegiada do rei, as áreas de visualização no centro de Londres estarão abertas a partir desse horário.

5h30: chegada dos convidados

Os convidados começam a chegar à Abadia de Westminster depois de passar pelos postos de controle de segurança.

6h20: "Procissão do Rei"

O rei Charles 3° sai do Palácio de Buckingham em direção à Abadia de Westminster, a bordo de uma carruagem com modificações surpreendentemente modernas — como ar-condicionado e vidros elétricos. Ele estará acompanhado da esposa, a rainha consorte Camilla Parker.

O percurso a ser feito pelo casal é chamado de "Procissão do Rei" e se estende por 2,3 km. A estimativa é de que o casal chegue à igreja sete minutos antes das 7h.

7h: coroação

A cerimônia da coroação deve começar pontualmente às 7h e durar entre uma e duas horas, em comparação com as três horas da cerimônia de Elizabeth 2ª, em 1953.

Charles 3° e Camilla entrarão juntos na igreja e assim seguirão até chegar ao espaço central da Abadia de Westminster. Dentro da igreja, o monarca vai se sentar na Cadeira da Coroação, ou Cadeira de St. Edward, e receber os atributos reais, como manto, orbe, anel, cetro e a coroa de Edward, do século 17, adaptada para a ocasião.

A cerimônia em que Charles 3° será coroado compreende uma série de etapas: reconhecimento, juramento, unção, investidura, coroação, entronização e homenagem. 

Logo após a coroação do rei, será a vez de Camilla. Uma vez coroada, ela passará a ser chamada de rainha, sem o termo "consorte".

Sophie Ramis, Gal Roma, Sylvie Husson, Gabriel Campelo / AFP

9h: "Procissão da Coroação"

Após a cerimônia, Charles e Camilla partirão da Abadia de Westminster e farão a "Procissão da Coroação", de volta ao Palácio de Buckingham, na carruagem tradicional da realeza, construída em 1760 e usada em todas as coroações desde 1831. Outros integrantes da família, como o príncipe William e Kate Middleton, com os três filhos, George, Charlotte e Louis, seguirão o monarca.

Esse segundo cortejo contará com quase 4.000 militares. Entre eles, agentes das Forças Armadas de toda a Commonwealth, dos Territórios Ultramarinos Britânicos e de todos os serviços das Forças Armadas do Reino Unido. 

10h30: aparição na varanda

Coroados rei e rainha, Charles 3° e Camilla vão aparecer na varanda do Palácio de Buckingham, acenar aos súditos e assistir à exibição militar, realizada pelos três braços das Forças Armadas, com mais de 60 aeronaves. A cerimônia encerra os eventos solenes do dia. 

Domingo - 7/5

8h: "Grande Almoço da Coroação"

No dia seguinte à cerimônia, o Reino Unido vai estar em festa. A população britânica é convidada a participar do "Grande Almoço da Coroação", que tem como objetivo compartilhar alimentos. A iniciativa é organizada pelo Eden Project, uma causa que Camilla apoia desde 2013 e que visa aproximar as pessoas, para reduzir a solidão e promover o espírito de comunidade.

O rei e a rainha "escolheram pessoalmente" uma quiche de inspiração francesa — com espinafre, favas, queijo e estragão — para marcar sua coroação. 

15h: concerto no Castelo de Windsor

Para comemorar a coroação, um show vai acontecer no Castelo de Windsor. Entre as atrações confirmadas estão: Lionel Richie, Andrea Bocelli, Katy Perry e as irmãs Kylie e Dannii Minogue. O ator Tom Cruise também fará uma aparição — ainda não se sabe se em vídeo ou pessoalmente. 

O Coral da Coroação, formado por grupos comunitários, refugiados e pessoas com deficiência auditiva, também se apresentará. 

Durante o show, os principais marcos do Reino Unido serão iluminados por projeções, lasers e exibições de drones, para celebrar o rei Charles 3°.

Segunda-feira - 8/5

O dia será feriado no Reino Unido, mas a solicitação de Charles 3° aos britânicos é que participem de uma iniciativa comunitária conhecida como The Big Help Out (A Grande Ajuda, em tradução livre), cujo objetivo é ajudar pessoas em situação de vulnerabilidade social. 

*Sob supervisão de Sofia Pilagallo

Traições, mala de dinheiro e mais: saiba os maiores escândalos da vida do rei Charles 3°

Últimas