Logo R7.com
Logo do PlayPlus
Publicidade

“Nós precisamos agir”, diz Obama sobre interferência russa nas eleições dos EUA

Autoridades americanas afirmam que Putin tentou prejudicar o republicano Donald Trump

Internacional|Do R7, com Reuters

Obama pretende "agir" para evitar intervenções
Obama pretende "agir" para evitar intervenções Obama pretende "agir" para evitar intervenções

O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, disse nesta quinta-feira (15) que o país vai agir contra a Rússia e seu envolvimento nas eleições presidenciais americanas.

Em entrevista à NPR, a rádio nacional americana, Obama criticou a tentativa russa de interferir na política dos EUA. Para o mandatário, não há dúvidas de que, quando países estrangeiros tentam impactar a integridade das eleições, o governo “precisa agir”.

— Estamos em uma época de fazer nossas próprias escolhas. Putin sabe da minha posição sobre isso porque eu conversei diretamente com ele sobre isso.

Segundo três oficiais americanos, Putin supervisionou as agências de inteligência da Rússia para monitorar as eleições presidenciais americanas e caracterizou a democracia do EUA com descrédito num esforço para prejudicar republicano Donald Trump.

Publicidade

Putin supervisionou ciberataques russos à eleição dos EUA, dizem autoridades

Hackers podem ter fraudado eleição nos EUA para dar vitória a Trump, segundo especialistas

Publicidade

A conclusão de agências de inteligência dos EUA é que a Rússia tentou influenciar as eleições hackeando pessoas e instituições, incluindo membros do partido democrata. As ações irritaram Trump, que diz que venceu as eleições de forma justa.

Autoridades russas negaram as acusações do governo americano.

Ouça um trecho da entrevista:

Not a Dailymotion video URL.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.