Logo R7.com
Logo do PlayPlus
Publicidade

Polícia prende passageiro acusado de correr nu e derrubar comissário durante voo

Caso aconteceu na Austrália, em um avião que fazia o trajeto entre a cidade de Perth, na costa oeste, para Melbourne, na costa leste

Internacional|Do Estadão Conteúdo

Homem foi preso após desembarcar do avião (Virgin Australia/Divulgação)

Um homem é acusado de ter corrido nu pelo corredor de um voo doméstico na Austrália e derrubado um comissário de bordo. Com isso, a aeronave foi forçada a voltar para o aeroporto e o suspeito foi preso assim que desceu da aeronave, segundo as autoridades locais.

O caso aconteceu na noite de segunda-feira (26), em um voo da Virgin Australia, que fazia o trajeto entre a cidade de Perth, na costa oeste, para Melbourne, na costa leste, previsto para durar três horas e 30 minutos. Segundo comunicado da empresa aérea, o voo VA696 teve que regressar ao aeroporto de Perth devido a um “passageiro desordeiro”. Assim que foram comunicados, os agentes da polícia federal australiana estavam à espera do avião no aeroporto e “o passageiro desordeiro” foi entregue, disse a Virgin.

Segundo a polícia australiana, “os agentes detiveram um homem acusado de ter corrido nu pelo avião em pleno voo e de ter derrubado um integrante da tripulação no chão”. “O homem foi transferido para o hospital para ser avaliado, onde permanece”, diz um comunicado da polícia. Não ficou claro como ou onde no avião o passageiro tirou a roupa.

O homem deve comparecer a num tribunal de Perth no dia 14 de junho. As acusações que ele enfrentará ainda não foram definidas. A companhia aérea pediu desculpas aos passageiros, acrescentando que a segurança deles e da tripulação era a sua principal prioridade.

Tanto a companhia aérea quanto a polícia recusaram-se a comentar para além das suas declarações. A Australian Broadcasting Corp (ABC News) informou que ninguém ficou ferido durante o incidente.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.