Logo R7.com
Logo do PlayPlus
Publicidade

Terremoto de magnitude 5,8 atinge região central do México e sacode a capital do país

Pessoas saíram de suas casas e desceram de prédios após o acionamento do sistema de alerta sísmico 

Internacional|

Terremoto de magnitude 5,8 atingiu o México e sacudiu a capital do país
Terremoto de magnitude 5,8 atingiu o México e sacudiu a capital do país Terremoto de magnitude 5,8 atingiu o México e sacudiu a capital do país

Um terremoto de magnitude 5,7 foi sentido nesta quinta-feira (7) na região central do México, sem que haja informação de danos até o momento, segundo as autoridades locais.

O epicentro do sismo, registrado às 14h03 (17h03, em Brasília) e que levou ao acionamento do sistema de alertas preventivos, foi localizado na comunidade de Chiautla de Tapia, no estado de Puebla, detalhou o Serviço Sismológico do México.

Por ora, "não há informação de danos na Cidade do México", informou o prefeito Martí Batres em seu perfil na rede X.

O presidente mexicano, Andrés Manuel López Obrador, entrou imediatamente em contato com autoridades de Defesa Civil para saber sobre danos potenciais.

Publicidade

"Ao que parece, o temor não foi tão forte. De qualquer maneira, logo daremos mais informação", afirmou López Obrador em um vídeo divulgado na plataforma X.

Sergio Salomón, governador de Puebla, informou que o tremor foi sentido em várias localidades do estado, mas não há informações sobre possíveis consequências.

Publicidade

O Serviço Sismológico do México estimou inicialmente uma magnitude de 5,8, mas depois a revisou para 5,7.

Susto

O sismo provocou cenas de pânico, sobretudo na capital, onde pessoas saíram de suas casas e desceram de prédios. As ruas ficaram cheias assim que foi emitido o som do alerta sísmico, que adverte até um minuto antes do tremor.

Publicidade

"Estávamos no restaurante quando o alerta soou. Saímos todos correndo, deixando a comida no prato", contou à AFP Andrea Muñoz, de 28 anos e que trabalha no setor Condesa-Roma da capital, um dos mais sensíveis aos terremotos devido à presença de água no subsolo.

Leia também

Muitas avenidas, como o turístico Passeio da Reforma, onde estão os edifícios mais altos da capital, ficaram lotadas de gente, muitas delas com celular nas mãos tentando contato com amigos e familiares.

Publicidade

"Com muito susto, porque se move muito o edifício (...) Ninguém se feriu, o importante é que todo mundo está bem", disse à AFP Ramón Hernández, que trabalha em um estacionamento.

O terremoto aconteceu justo no momento em que a secretária do Tesouro dos Estados Unidos, Janet Yellen, transitava pelas ruas da capital, segundo a imprensa mexicana.

O México está localizado entre cinco placas tectônicas, cujos movimentos fazem do país um dos que mais registram atividade sísmica no mundo, particularmente na costa do Pacífico, desde a fronteira com a Guatemala até o estado de Jalisco (oeste).

Em 19 de setembro de 1985, um terremoto de magnitude 8,1, com epicentro na costa do Pacífico, sacudiu grande parte do centro e do sul do país, deixando mais de 10 mil mortos e diversas regiões da Cidade do México devastadas.

Também em 19 de setembro, desta vez em 2017, um terremoto de magnitude 7,1 deixou 369 mortos, a maioria na Cidade do México.

Nesse mesmo dia de 2022, o centro do país foi abalado por outro sismo, poucas horas depois de milhões de mexicanos terem participado de uma simulação da Defesa Civil.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.