Logo R7.com
Logo do PlayPlus
Publicidade

Caso Daniel Alves: Ministério Público da Espanha pede aumento da pena para nove anos de prisão

Segundo a Promotoria, a indenização paga por ele não se aplica a circunstância atenuante de reparação de danos

JR na TV|

O Ministério Público da Espanha quer aumentar a pena do ex-lateral da seleção brasileira, Daniel Alves. Segundo a Promotoria, a indenização paga por ele não se aplica a circunstância atenuante de reparação de danos. Daniel Alves foi condenado a quatro anos e meio de prisão por ter estuprado uma mulher em 2022, em uma boate em Barcelona. Daniel Alves ofereceu mais de R$ 800 mil à vítima, que havia afirmado que não queria indenização, e sim que o atleta pagasse com a prisão. O Ministério Público espanhol quer revogar a decisão do tribunal e pede uma pena de nove anos.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.