Minas Gerais Chuva forte alaga avenidas e ruas na noite desta terça (12) na Grande BH 

Chuva forte alaga avenidas e ruas na noite desta terça (12) na Grande BH 

Na região do Barreiro, a força da água foi tão forte que chegou a arrastar carros, motos, invadiu lojas e casas

  • Minas Gerais | Ricardo Vasconcelos, da Record Minas

Moradores registraram transtornos causados pela chuva

Moradores registraram transtornos causados pela chuva

Reprodução/Record Minas

A chuva forte provocou vários pontos de alagamento e interdição de ruas e avenidas, na noite desta terça-feira (12), na região metropolitana de Belo Horizonte. A região do Barreiro foi a mais castigada, segundo a Defesa Civil. Apesar dos transtornos, não houve registro de vítimas. 

A BHTrans precisou interditar o cruzamento da avenida Tereza Cristina com avenida Dom João VI em Contagem, na Grande BH, por conta do risco de transbordamento dos córregos. O bloqueio da via durou quase uma hora até que o nível da água começou a abaixar.

Clique aqui e receba as notícias do R7 no seu WhatsApp
Compartilhe esta notícia pelo WhatsApp
Compartilhe esta notícia pelo Telegram
Assine a newsletter R7 em Ponto

No bairro Olhos D'água, na região Oeste da capital mineira, o muro de uma empresa desabou na rua, derrubando um poste e a rede de energia. Nenhum veículo ou pedestre foram atingidos no momento do acidente. A rua ficou parcialmente interditada por conta do entulho no asfalto.

Barreiro

Na região do barreiro, a água foi tão forte que chegou a arrastar carros, motos, invadiu lojas e casas. Vídeos feitos por moradores registraram a força das águas. No bairro Vila Pinho, no Barreiro, a água passou por cima da obra de um túnel. 

No bairro Tirol, a rede de esgoto que passa em uma casa estourou por conta da pressão da água. O imóvel foi tomado pelo esgoto, provocando muitos prejuízos.

Bacia de Contenção

A Defesa Civil realizou imagens da Bacia de Detenção B5, na região Oeste da capital, nesta terça-feira (12), entre 17h30 e 19h20. As águas acumuladas, que aparecem nas imagens, são do Córrego Ferrugem e evitam situações de transbordamento na região da Avenida Teresa Cristina.

O equipamento já mostra sua funcionalidade, mesmo que a obra esteja em fase de conclusão. Conforme o monitoramento da Defesa Civil, na região Oeste, onde está a estrutura, choveu em 2 horas, o que corresponde a 6% do esperado para todo mês de dezembro.

A bacia de detenção (B5) terá capacidade volumétrica para 274.245 m³, equivalente a 274 milhões de litros d'água.

Últimas