Logo R7.com
Logo do PlayPlus
Publicidade

Homem suspeito de matar pai de autista se entrega à polícia nesta terça-feira (7)

O autor do crime teria se irritado com a criança, que não parava de acionar a buzina do carro; a vítima foi baleada quatro vezes

Minas Gerais|Antônio Paulo, da Record TV Minas

Vítima chegou a ser socorrida, mas não sobreviveu
Vítima chegou a ser socorrida, mas não sobreviveu Vítima chegou a ser socorrida, mas não sobreviveu

Entregou-se à Polícia Civil na tarde desta terça-feira (7) o homem que matou a tiros o pai de uma criança autista, após uma briga que aconteceu no dia 25 de fevereiro, no bairro Vila São João Batista, na região de Venda Nova, em Belo Horizonte.

De acordo com a Polícia Militar, a criança, de 4 anos, acionava insistentemente a buzina de um carro, o que teria irritado o suspeito. Ele teria então discutido com o pai, feito ameaças e saído do bar.

Horas depois, ele teria voltado em um táxi, armado. Vários tiros foram disparados. Cleidson Alves Campos, de 40 anos, chegou a ser socorrido por populares e levado para o Hospital Risoleta Neves, na região norte da capital mineira, mas não resistiu aos ferimentos. 

A perícia constatou que a vítima recebeu quatro tiros — dois na cabeça, um nas costas e um no abdômen. 

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.