Logo R7.com
Logo do PlayPlus
Publicidade

MGR na Política: Gabriel Azevedo se diz aberto a alianças, mas não abre mão de disputar a Prefeitura de BH

Presidente da Câmara da capital diz que vai ouvir quem quiser "ajudar Belo Horizonte" e reafirma oposição ao atual prefeito

MG Record|

Pré-candidato à Prefeitura de Belo Horizonte pelo MDB, o presidente da Câmara Gabriel Azevedo se diz aberto a alianças partidárias para a disputa, mas afirma que não vai abrir mão de concorrer à cadeira principal.

A declaração foi feita durante participação no quadro MGR na Política, da Record Minas, na noite desta quinta-feira (21).

"Eu entrei no MDB, um partido equilibrado. Eu quebro conversar com todas as pessoas que querem ajudar Belo Horizonte. Não vendo secretaria, não vendo espaço no governo e não estou oferecendo a vaga de vice-prefeito para quem quer ser enfeite", comentou. "Não tem papo de ser vice de ninguém. Eu sou pré-candidato a prefeito de Belo Horizonte", completou.

Nesta tarde, Azevedo e um grupo de vereadores se reuniram com o prefeito Fuad Noman (PSD), pré-candidato à reeleição. Segundo o presidente da Câmara, os parlamentares questionaram um suposto boicote no atendimento às demandas dos vereadores nos últimos meses.

Publicidade

O resultado, de acordo com o parlamentar, foi a indicação de um novo interlocutor. O vereador ressalta, entretanto, que o encontro não indica uma aliança política com o Noman. "Eu e o prefeito não somos amigos e nem aliados", disse.

Gabriel Azevedo é formado em direito, jornalismo e publicitário. Ele tem 37 anos e está no segundo mandato de vereador da capital mineira. Na primeira disputa, ele foi eleito com 10.185 votos, em 2016. No último pleito, em 2020, o parlamentar alcançou 13.088 votos.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.