Logo R7.com
Logo do PlayPlus
Publicidade

Ministério da Saúde descarta morte por varíola dos macacos em Uberlândia (MG)

Vítima trabalhava em uma unidade do sistema prisional; outros três casos estão sendo investigados em Minas Gerais

Minas Gerais|Antônio Paulo, da RecordTV Minas

Vítima testou negativo para a varíola dos macacos
Vítima testou negativo para a varíola dos macacos Vítima testou negativo para a varíola dos macacos

O Ministério da Saúde descartou, nesta quarta-feira (15) que o policial civil morto no último fim de semanaem um hospital particular de Uberlândia (MG), a 543 km de Belo Horizonte, estava contaminado pela varíola dos macacos.

De acordo com o Ministério, o exame laboratorial feito pela Fundação Ezequiel Dias descartou que o policial civil de 41 anos, que trabalhava em uma unidade do sistema prisional na cidade de Araguari (MG), morreu em decorrência da doença.

O policial estava internado no Uberlândia Medical Center, hospital da rede particular do município do Triângulo Mineiro. O Governo do Estado, junto com o Ministério da Saúde, também investiga outros três suspeitas de contaminação por varíola dos macacos. Os casos são de Belo Horizonte, Ouro Preto e Ituiutaba.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.