Minas Gerais Suspeito de envolvimento na morte de PM se entrega à polícia em BH

Suspeito de envolvimento na morte de PM se entrega à polícia em BH

Soldado foi morto em uma troca de tiros durante uma operação contra o tráfico de armas na noite de quinta-feira (19)

  • Minas Gerais | Shirley Barroso, Da RecordTV Minas

Militar foi atingido por disparos durante uma operação

Militar foi atingido por disparos durante uma operação

DIVULGAÇÃO / REDES SOCIAIS

Um dos suspeitos de participação na morte do policial militar Gustavo Henrique de Arruda, se entregou à polícia na tarde desta sexta-feira (20). Jerry Joseph Moreira de Souza, de 24 anos, chegou ao departamento de homicídios algemado e escoltado por policiais civis. Outros dois suspeitos foram presos.

Segundo a polícia, era Moreira quem negociava a venda de armas de fogo na lanchonete do sogro. O local era o alvo da operação realizada pelo soldado.

Imagens de câmeras de segurança registraram o momento em um homem, que seria Moreira, vai até o balcão, pega uma arma com a sogra, Yaponira dos Santos, coloca na cintura e sai. A mulher também foi presa e levada para o DHPP (Departamento de Investigação de Homicídios e Proteção à Pessoa).

Outra imagem mostra o militar saindo do bar, logo atrás está o sogro do suspeito preso. O policial então corre, saca uma arma da cintura e atira. No mesmo instante o soldado é atingido pelas costas pelo dono da lanchonete. No meio da troca de tiros o comerciante também é baleado e cai. O soldado chegou a ser socorrido, mas não resistiu.

“Ele relatou que estava vendendo uma arma de fogo que possuía na tentativa de mudar de vida e no momento em que ele estava fazendo essa transação,a pessoa que iria comprar pegou a arma, tentou fazer um disparo, sacou uma outra arma. Então o sogro dele, que estava com outra arma, que é registrada, achando que era um assalto, efetuou os disparos”, diz João Paulo Cardoso, advogado do suspeito.

Outro militar foi atingido no braço durante a troca de tiros, mas passa bem. Dois suspeitos também foram baleados. Um casal também já havia sido detido.

Soldado recebeu homenagem

O corpo do soldado Gustavo Henrique de Arruda foi liberado no início da tarde desta sexta-feira (20). Um cortejo de viaturas foi formado no trajeto até o aeroporto da Pampulha, onde o soldado recebeu honras militares. O corpo seguiu de avião até a cidade de Ipatinga, no Vale do Aço, onde será enterrado no final da manhã deste sábado (21).

Últimas