Logo R7.com
Logo do PlayPlus
Publicidade

Covardia que Mata: a importância do feminicídio ser visto como crime

No primeiro episódio da nova série da RecordTV Minas, uma juíza, uma delegada e uma vítima falam sobre a tipificação do crime

Minas Gerais|Do R7

A lei 13.104/15, que altera o código penal brasileiro instituindo o feminicídio como agravante, foi sancionada no dia 9 de março de 2015. Antes disso, quando uma mulher era assassinada pelo companheiro e a defesa do réu alegava que ele agiu sob forte emoção, durante uma discussão, por exemplo, a pena era baixa, em torno de 4 anos de reclusão. No primeiro episódio da nova série da RecordTV Minas entenda a importância do feminicídio ser visto como crime.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.