Logo R7.com
Logo do PlayPlus
Publicidade

Selo do cilindro da Babilônia de 600 a.C. mostra bomba nuclear e explosão?

É verdade que arqueólogos descobriram um selo babilônico de mais de 2.600 anos que mostra o desenho de uma bomba atômica e de uma...

E-Farsas|

É verdade que arqueólogos descobriram um selo babilônico de mais de 2.600 anos que mostra o desenho de uma bomba atômica e de uma explosão?

A colagem de imagens circula pela internet há anos, mas voltou a ser compartilhada nas redes sociais na segunda quinzena de agosto de 2023. Na podemos ver as marcas representando uma bomba nuclear, ao lado de representações de explosões causadas pelo artefato, feitas por um selo supostamente encontrado por arqueólogos no sul da região que já foi conhecida como Mesopotâmia. 

O selo do cilindro da Babilônia data de 600 a.C. mostra a bomba nuclear e a sua explosão, e teria sido confeccionado durante a era de Nabucodonosor II, que era um rei caldeu do Império Neobabilônico.

Segundo o que se espalhou, os selos feitos de pedras duras eram usados ​​como ferramenta administrativa, como um carimbo ou uma assinatura, mas será que o povo daquela época já tinha conhecimento da bomba atômica ou trata-se de um viajante do tempo?

E-Farsas
E-Farsas E-Farsas

Selo de mais de 2.600 seria prova de que viajantes no tempo existem! Será verdade? (foto: reprodução/Facebook)

Verdade ou mentira?

Veja a checagem em vídeo na nossa participação semanal no Programa Morde Assopra, da Energia 97 FM:

As imagens são reais, mas o selo foi feito em 2016, por um professor inglês chamado Stephen Parker, que usa como pseudônimo um arqueólogo fictício chamado Kent P. Streaver.

Como podemos ver através de busca reversa de imagem, Stephen, que também é designer de joias, criou o selo e publicou fotos da sua obra em uma página chamada Acme Clock Works em 2016. A partir daí, várias páginas especializadas em teorias da conspiração começaram a falar sobre o assunto como se fosse uma descoberta real!

Abaixo, um vídeo feito pela empresa fictícia Acme Clock Works sobre o “achado”:

Anos depois, o professor publicou outras criações suas, como essa suposta pulseira egípcia, em 2018.

Conclusão

As imagens que mostram um selo de uma bomba atômica, supostamente datado de 600 a.C., foram feitas em 2016 por um designer de joias e professor inglês chamado Stephen Parker!

O post Selo do cilindro da Babilônia de 600 a.C. mostra bomba nuclear e explosão? apareceu primeiro em E-farsas.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.