Luiz Fara Monteiro Airbus Helicopters apresenta sólido desempenho de vendas em 2023

Airbus Helicopters apresenta sólido desempenho de vendas em 2023

Pedidos vieram de 179 clientes em 47 países. A fabricante entregou 346 helicópteros em 2023

Airbus Helicopters: 410 pedidos brutos em 2023
Airbus Helicopters: 410 pedidos brutos em 2023 Anna Zvereva - Wikimedia Commons

Em 2023, a Airbus Helicopters registrou 410 pedidos brutos (líquidos: 393), mostrando uma recuperação constante do mercado com um forte desempenho neste ano para os helicópteros biturbina leves e médios. Os pedidos vieram de 179 clientes em 47 países. A empresa entregou 346 helicópteros em 2023, resultando em uma participação preliminar de 54% no mercado civil e parapúblico.

"A entrada de pedidos da Airbus Helicopters em 2023, com um aumento próximo aos 10% de unidades em comparação com 2022, destaca o seu crescimento estável apesar do atual contexto global de inflação e instabilidade geopolítica", disse Bruno Even, CEO da Airbus Helicopters. "Isso é também uma prova da versatilidade de nossos produtos nos mercados civil e militar e eu gostaria de agradecer aos nossos clientes por continuarem a confiar suas missões críticas à Airbus Helicopters", acrescentou.

O ano de 2023 foi de muitas estreias, como o primeiro voo de demonstração do DisruptiveLab, que apresenta uma nova arquitetura aerodinâmica com o objetivo de reduzir o consumo de combustível, e o primeiro voo do NH90 Sea Tiger, helicóptero de guerra antissubmarino de última geração para a Marinha alemã. A empresa também deu as boas-vindas a um novo membro da família Airbus quando a Marinha espanhola recebeu seus primeiros helicópteros H135.

"Defesa e segurança são prioridades estratégicas da Airbus Helicopters e continuamos inovando e nos desenvolvendo para aumentar cada vez mais as capacidades de missão para nossos clientes. As Forças Armadas alemãs, que assinaram o maior contrato do H145M, com até 82 helicópteros leves de ataque no final de 2023, são um testemunho disso. Em termos de desenvolvimento, o H175M realizou demonstrações de voo com sucesso nas condições extremas de calor e altitude do deserto da Arábia Saudita, enquanto o VSR700 demonstrou seu desempenho durante testes no mar a partir de uma fragata multimissão da Marinha francesa. Também continuamos expandindo nosso portfólio de UAS com a aquisição da Aerovel, que nos permitirá oferecer aos nossos clientes recursos adicionais de missão com equipes tripuladas e não tripuladas", destacou Even.

Os contratos de suporte global e a oferta do HCare continuaram a se mostrar populares em 2023, tanto com clientes civis, quanto militares. 140 novos helicópteros foram cobertos por contratos "por hora", elevando o total para 2.760 helicópteros.

Inovação e sustentabilidade seguiram como fortes focos da empresa, que continuou investindo em demonstradores com o objetivo de avançar em seu roteiro de descarbonização e aumentar a segurança da aviação. O FlightLab da Airbus Helicopters testou com sucesso um sistema de controle de voo elétrico que permitiu que um único manche de piloto substituísse os três controles de piloto convencionais, algo inédito na indústria de helicópteros. Após esses testes de voo FBW bem-sucedidos, a Airbus Helicopters, em parceria com a Airbus UpNext, conseguiu testar recursos autônomos avançados para simplificar a preparação e o gerenciamento da missão, reduzir a carga de trabalho do piloto de helicóptero e aumentar ainda mais a segurança.

"Da mesma forma que o DisruptiveLab será usado para testar a hibridização de helicópteros monomotores, apresentamos o PioneerLab com o objetivo de testar a hibridização de aeronaves bimotoras e introduzir materiais de base biológica. Também começamos a montar o CityAirbus NextGen em Donauwörth e encerramos o ano realizando a sua ativação. Além disso, aumentamos para 10% o uso de Combustível Sustentável de Aviação (SAF) para nossos próprios voos de teste de desenvolvimento, treinamento, entregas e voos de balsa em Marignane e Donauwörth, e continuaremos a implementar isso em nossas outras instalações em 2024", destacou Even.

Os resultados financeiros do ano completo de 2023 da Airbus serão divulgados oficialmente em 15 de fevereiro de 2024.

Os textos aqui publicados não refletem necessariamente a opinião do Grupo Record.

Últimas