Luiz Fara Monteiro Azorra entrega os dois primeiros jatos Embraer E195-E2 para a Royal Jordanian Airlines

Azorra entrega os dois primeiros jatos Embraer E195-E2 para a Royal Jordanian Airlines

Seis aeronaves fazem parte da carteira de pedidos firmes da Azorra com a Embraer e outros dois E195-E2 serão entregues diretamente à companhia aérea da Jordânia

Royal Jordanian Airlines: jato Embraer E195-E2
Royal Jordanian Airlines: jato Embraer E195-E2 Embraer - Divulgação

A Azorra entregou os dois primeiros jatos E195-E2 para a Royal Jordanian Airlines. Uma cerimônia realizada na segunda-feira, 22 de janeiro, nas instalações da Embraer em São José dos Campos foi seguida de uma celebração organizada hoje pela Royal Jordanian Airlines por conta da chegada das aeronaves em Amã, na Jordânia.

O pedido anunciado em maio de 2023 prevê a entrega de oito jatos no total – seis aeronaves fazem parte da carteira de pedidos firmes da Azorra com a Embraer e outros dois E195-E2 serão entregues diretamente à companhia aérea da Jordânia.

“A parceria de longa data com a Royal Jordanian começou há mais de uma década. Desde o primeiro Embraer E175 até a nova geração dos E2, temos orgulho em continuar apoiando a companhia aérea em suas metas de modernização e expansão da frota. Estamos certos de que a Royal Jordanian em breve irá comprovar as vantagens ambientais e econômicas de operar os jatos da família E2, que oferecem um nível superior de conforto para os passageiros”, afirma John Evans, CEO e Fundador da Azorra.

“Seremos o primeiro operador dos jatos E2 no Oriente Médio, com o apoio de nossos parceiros da Azorra, e isso é motivo de grande satisfação. A família de aeronaves E2 contribuirá para alcançar os nossos objetivos estratégicos, complementando a frota de jatos de médio porte (narrowbody). Dessa maneira, poderemos adequar a capacidade de nossa frota à demanda, reduzindo os custos operacionais e as emissões de carbono, ao mesmo tempo em que oferecemos uma experiência melhor com mais conforto para os passageiros, ressaltando o nosso status de companhia aérea preferida na região”, afirma Samer Majali, Vice-Presidente e CEO da Royal Jordanian Airlines.

“A escolha da família E2 para atualizar a frota da Royal Jordanian é uma comprovação das capacidades avançadas dessas aeronaves, da nossa história de sucesso e da sólida relação que mantemos com a Azorra e com a Royal Jordanian. A geração mais avançada dos E-Jets oferece os jatos mais silenciosos, menos poluentes e mais eficientes no mercado de até 150 assentos. Dessa maneira, a Royal Jordanian pode atingir simultaneamente suas metas de crescimento, lucratividade e de sustentabilidade operando uma frota de pequenos narrowbodies E2 que complementa a frota de aeronaves maiores. Estamos orgulhosos em aprofundar a nossa parceria de longo prazo com a Royal Jordanian e com a Azorra”, afirma Arjan Meijer, CEO e Presidente da Embraer Aviação Comercial.

Sobre a Azorra

Azorra é uma empresa de arrendamento de aeronaves voltada para fornecer aluguel (leasing), financiamento, transição de frota e gerenciamento de ativos para investidores de aeronaves, financiadores e operadoras de companhias aéreas no mundo todo. A equipe multicultural da Azorra reflete os mercados globais que atendemos e inclui competências essenciais em legislação aeronáutica, financiamento de aeronaves, manutenção, marketing, vendas e leasing. Nosso time é liderado por experientes profissionais de reconhecida competência e inclui jovens talentos que trazem novas perspectivas, ideias e entusiasmo. A Azorra possui e gerencia uma frota de 100 aeronaves utilizadas por 30 operadores, em 23 países, nos cinco continentes, e encomendas para mais de 160 aeronaves, incluindo pedidos de novas aeronaves Airbus A220-100/300 e aeronaves Embraer E190/195-E2. A empresa está sediada em Fort Lauderdale, na Flórida, com escritórios em Dublin, Seattle e Toulouse. Para informações adicionais, por favor, visite www.azorra.com ou nosso Linkedin.

Sobre a Royal Jordanian

A Royal Jordanian Airlines, fundada em 1963, é a companhia aérea nacional da Jordânia. Com sede em Amã, a companhia aérea tem desempenhado um papel fundamental nas conexões internacionais da Jordânia . Com uma frota mista composta por 28 aeronaves, a Royal Jordanian voa para destinos no Oriente Médio, Europa, Ásia e América do Norte. Como membro da aliança Oneworld, a Royal Jordanian beneficia-se de uma rede global de companhias aéreas, oferecendo aos passageiros uma experiência de viagem sem igual com ampla conectividade e com o objetivo de expandir a sua malha aérea para 60 destinos.

A Royal Jordanian tem investido continuamente na atualização da sua frota e planeja aumentá-la para 40 aeronaves, adotando as mais recentes tecnologias de aviação para aumentar a eficiência operacional e reduzir o impacto ambiental. O serviço de bordoda Royal Jordanian oferece uma mistura de hospitalidade tradicional jordaniana e comodidades modernas, ao mesmo tempo em que oferece opções de entretenimento durante a viagem.

Com uma atuação fundamental na região, a Royal Jordanian contribuiu para o desenvolvimento econômico da Jordânia, promovendo o turismo e facilitando o comércio. O papel da companhia aérea vai além do transporte, participando ativamente em iniciativas que promovem o intercâmbio cultural e a cooperação internacional.

Sobre a Embraer

Empresa aeroespacial global com sede no Brasil, a Embraer (NYSE: ERJ; B3: EMB3) tem negócios em Aviação Comercial e Executiva, Defesa & Segurança e Aviação Agrícola. A empresa projeta, desenvolve, fabrica e comercializa aeronaves e sistemas, fornecendo Serviços e Suporte aos clientes no pós-venda. Desde que foi fundada em 1969, a Embraer já entregou mais de 8.000 aeronaves.

Em média, a cada 10 segundos uma aeronave fabricada pela Embraer decola em algum lugar do mundo, transportando mais de 145 milhões de passageiros por ano. A Embraer é a principal fabricante de jatos comerciais de até 150 assentos e a principal exportadora de bens de alto valor agregado do Brasil.

A empresa mantém unidades industriais, escritórios, centros de serviços e distribuição de peças, entre outras atividades, nas Américas, África, Ásia e Europa. O escritório da Embraer para a região Ásia-Pacífico está localizado em Singapura e o escritório da China, em Beijing.

Os textos aqui publicados não refletem necessariamente a opinião do Grupo Record.

Últimas