Luiz Fara Monteiro Turbulência inesperada deixa 11 pessoas feridas em voo internacional

Turbulência inesperada deixa 11 pessoas feridas em voo internacional

Voo com 225 a bordo que seguia da região do Caribe para o Reino Unido foi surpreendido pela ocorrência na região de Barbados

Imagem de satélite: região da turbulência

Imagem de satélite: região da turbulência

Reprodução Aviation Herald

Um Airbus A330-200 da Maleth-Aero, matrícula 9H-MFS, que realizava o voo DB-1975, de Bridgetown, em Barbados, para Manchester, no Reino Unido, com 225 passageiros e 13 tripulantes, estava em rota quando a aeronave encontrou uma forte turbulência, que causou ferimentos em 11 passageiros.

Com a ocorrência inesperada, o comandante optou por retornar ao aeroporto de origem, onde realizou um pouso seguro na pista 30, cerca de duas horas e meia depois da decolagem.

Os 11 passageiros feridos foram levados a um hospital local, como informa o Aviation Herald.

O Ministério da Segurança Nacional das Bermudas confirmou que a aeronave encontrou uma forte turbulência por volta de 12h50 e realizou um pouso controlado nas Bermudas. Entre as vítimas, nove já tiveram alta. Todos os ferimentos são considerados leves.

A operadora de cruzeiros P&O Cruises, que fretou o A330-200, relatou que a aeronave encontrou "turbulência inesperada", quando a iminência não é detectada pelos radares. Os passageiros que não se feriram foram encaminhados para hotéis e deverão continuar a viagem nesta terça-feira (26), após uma verificação detalhada do avião.

Os textos aqui publicados não refletem necessariamente a opinião do Grupo Record.

Últimas